sexta-feira, 11 de junho de 2021

Jhardell & Rafaela é atração confirmada no LOVE FUNK neste sábado 12.


Os influenciadores e artistas Jhardell Medeiros e Rafaela Mafra são atrações confirmada no evento mais comentado da ilha do amor, vestindo a marca DHAFNNY STORE, neste sábado 12 dia dos namorados, junto com outros artistas como Dj wolff, Dj Darlan e Dj Cibele. A noite promete muito (diz Jhardel ex Banda Reprise)  diretamente do Rio De Janeiro; tô muito feliz com o convite vai ser uma energia massa, diz Rafaela Mafra (ex Banda My love) fazendo sucesso por onde passa em sua carreira solo.

segunda-feira, 7 de junho de 2021

DICAS DE SEGURANÇA NO MEIO AQUÁTICO


⚠️⚠️Fique atento às orientações dos Guarda-vidas:⚠️⚠️📢📢📢 

1. Rios de corredeiras: NÃO ENTRE e se embarcado USE COLETE SALVA-VIDAS.

2. Rios sem corredeiras: água no máximo a altura dos JOELHOS ou utilize colete salva-vidas. A profundidade pode aumentar rapidamente.

3. Supervisão: o tempo todo por pessoa que saiba ajudar, e NUNCA entre na água alcoolizado ou mergulhando de cabeça.

4. Se estiver em perigo: mantenha a calma, FLUTUE e ACENE por socorro e NÃO nade contra a correnteza.

5. Se for ajudar: NÃO ENTRE na água para salvar, LIGUE 193, JOGUE material flutuante e aguarde um profissional chegar.

Artigo do governador Flávio Dino: 'Um pacto verde pelo Brasil'



No dia 5 de junho celebramos o Dia Mundial do Meio Ambiente. Data que reforça a urgência de concretizarmos caminhos de desenvolvimento nacional com sustentabilidade, sobretudo diante dos graves dados sobre o desmatamento no Brasil nos últimos meses.

Além dos desafios impostos pela Covid-19, vemos as consequências desse enorme desequilíbrio. Enquanto em um quadrante do país observa-se crise nos recursos hídricos, que resulta em maiores custos à população pelo aumento do preço da energia, em outra ponta, parte da região amazônica tem sofrido com o aumento do volume de água de seus rios, fenômeno bem mais frequente nos últimos 20 anos. Os prejuízos perpassam desde o aumento da circulação de doenças, volumosas perdas na economia e famílias inteiras expostas à destruição e ao abandono de suas casas, em meio à maior crise sanitária que o país já enfrentou.

Diante desse cenário, algumas perguntas devem ser feitas: o grande desequilíbrio entre inundações e insuficiência hídrica tem relação com os efeitos das mudanças climáticas decorrentes da ação humana? O que o Governo Federal está fazendo realmente para mitigar os impactos de fenômenos como esses? E o que pode ser feito para converter o ativo estratégico que é a biodiversidade brasileira em um agente promotor de direitos para a população?

Estas questões levaram o Consórcio Interestadual da Amazônia Legal, sob liderança dos 9 governadores da região, a apresentar o Plano de Recuperação Verde (PRV). Queremos reforçar a convergência por uma economia verde e buscar o enfrentamento tanto de problemas ambientais como socioeconômicos nos estados que compõem a Amazônia Legal, inclusive o Maranhão. Nossa capacidade de proteger as riquezas naturais fortalece a soberania nacional e amplia oportunidades para a população.

Assim, o PRV propõe uma carteira de programas ancorados em quatro eixos: combate ao desmatamento ilegal; desenvolvimento produtivo sustentável; tecnologia verde e capacitação; e infraestrutura verde. O PRV tem por objetivo decisivo a geração de trabalho e renda para os quase 30 milhões de brasileiros que vivem na Amazônia Legal, pois se cuida de um pressuposto fundamental: sustentabilidade abrange, de modo inseparável, as dimensões ambiental e social.

Aqui no Maranhão também temos atuado fortemente. Criamos a Escola Ambiental com foco na formação profissional e sensibilização socioambiental, a fim de fomentar a geração de emprego e renda de forma sustentável, ao tempo em que reduzimos impactos ambientais de atividades produtivas. A Escola Ambiental é parte da execução do Plano Estadual de Educação Ambiental, que lançamos em 2018 no Maranhão.

Instituímos, ainda, o Programa Agente Jovem Ambiental, destinado ao incentivo a atividades comunitárias por jovens entre 16 e 21 anos egressos ou matriculados no Ensino Médio em escola pública, a partir de apoio financeiro repassado pelo Estado. 2.000 jovens receberão auxílio mensal para contribuir com o trabalho de mobilização e de educação ambiental em suas comunidades.

Todo esse trabalho será reforçado por um marco regulatório estadual acerca das mudanças climáticas, da gestão de ativos ambientais e da redução das emissões de gases de efeito estufa – o Sistema Jurisdicional de REDD+ e PSA do Estado do Maranhão. Enviamos esta semana para a Assembleia Legislativa do Maranhão, o Projeto de Lei que cria o Sistema, prevendo metas prioritárias com foco em uma economia verde.

Não tenho dúvidas de que o conjunto de ações que temos adotado no Maranhão consolida-se também como importante vetor para a captação de recursos financeiros, inclusive internacionais, para promoção de ações de mitigação à mudança do clima e de sustentabilidade. São recursos extremamente necessários, em especial no contexto marcado pelos difíceis reflexos da pandemia da Covid-19 na economia nacional. Superando equívocos, omissões ou ações criminosas, que marcam a hora presente do país, é possível trabalharmos por um projeto de verdadeiro desenvolvimento para o Maranhão e para o Brasil.

Instituto Dica Ferreira e SES realizam ação de testagem gratuita com a aplicação de 150 testes de Covid-19 na comunidade Bom Jesus

 

 

O Instituto Dica Ferreira e Secretaria de Estado da Saúde (SES), iniciaram neste sábado (5), a aplicação gratuita de testes rápidos de Covid-19, nas comunidades do Pólo Coroadinho, em São Luís. A primeira ação de testagem aconteceu na Igreja Bom Jesus e aplicou 150 testes.

O objetivo da ação, que é inédita no Polo Coroadinho, uma das dez maiores comunidades periféricas do Brasil, é garantir acesso aos moradores do Pólo Coroadinho e reduzir os casos de subnotificação. “A testagem em massa é importante por ser uma política pública emergente, sendo uma ferramenta de controle da pandemia. Pois enquanto a pessoa não sabe se tem a doença, pode transmitir o vírus para outras pessoas. Sabe-se que ainda não há vacina para todos, uma vez que esta deveria ser a política efetiva contra a Covid-19. A testagem para todos também perpassa por essa perspectiva”, ressalta Tatiana Pereira, membro da direção do Instituto Dica Ferreira.

A aposentada Iracy Teixeira foi uma das 150 pessoas que realizaram o teste para Covid-19 e destacou a importância da ação de testagem gratuita. “Às vezes nós podemos está com o vírus e está assintomática e aí podemos passar o vírus para outras pessoas. Então é muito importante fazer o teste”, disse.

Para o Instituto Dica Ferreira, realizar a testagem em massa é uma ação que contribui para diminuir casos mais graves, assim como possibilita que as pessoas que contraírem o vírus possam manter o isolamento, reduzindo a circulação do vírus, além de buscar atendimento de saúde logo que identificada a contaminação.

“Reduzir a distância do acesso a essa importante política pública de saúde para todos e todas é um direito. Assim, a periferia permanece na luta para garantir o acesso a testagem e reduzir os casos de subnotificação, uma vez que isso afeta diretamente o distanciamento social. Por vezes, as pessoas não usam máscara e não sabem que estão transmitindo o vírus. Além da crise sanitária, existe também a crise econômica e social. Nesse sentido, outro fator que tem atingido a comunidade é a fome, desafiando a sobrevivência de muitas famílias, que nesse cenário não têm outra alternativa a não ser sair de casa em busca do sustento”, ressaltou o presidente do Instituto, Alexsandro Pereira.

No Polo Coroadinho, segundo dados da SES, há 470 casos ativos, sendo destes, 267 no Coroadinho, 99 no Dom Sebastião/Parque dos Nobres/ Parque Timbira; 80 no Bom Jesus; 13 na Salina Sacavem e 11 na Vila dos Frades.

A ação de testagem gratuita continuará nos próximos sábados em outras comunidades do Pólo Coroadinho, aplicando ao todo, 500 testes rápidos.

Veja mais registros da ação de testagem:

domingo, 6 de junho de 2021

Maranhão faz mutirão de vacinação de 24 horas atendendo adultos a partir de 38 anos

 


Evento, em formato drive-thru, foi batizado "Arraial de Vacinação"

vacinação em drive-thru no maranhão

O Estado do Maranhão terá mais de 24 horas de aplicação ininterrupta de vacinas contra a Covid-19 neste fim de semana. Chamado de 'Arraial de Vacinação', o evento, em formato drive-thru, vai atender adultos a partir de 38 anos.

Segundo o Governo do Estado, o drive-thru começa a funcionar às 8h deste sábado (5) e segue até o meio-dia do domingo (6). O atendimento será no estacionamento do Pátio Norte Shopping, na estrada de São José de Ribamar.

O público-alvo são pessoas com idade a partir de 38 anos, moradoras das cidades de São José de Ribamar e Paço do Lumiar. É obrigatório apresentar documento com foto, comprovante de residência, cartão do SUS e cartão de vacinação.

Para marcar a temática junina, haverá grupos culturais se apresentando no drive-thru.

Na última quarta-feira (2), o Estado iniciou 'força-tarefa' com objetivo de aplicar 100 mil doses de vacinas em 11 cidades.

imagem de divulgação do arraial da vacinação

Serviço

"Arraial de Vacinação", com drive-thru durante mais de 24 horas

Quem pode se vacinar: adultos a partir de 38 anos moradores das cidades de São José de Ribamar e Paço do Lumiar

Quando: neste sábado (5), a partir das 8 horas

Local: Estacionamento do Pátio Norte Shopping – Estrada de Ribamar (MA-201), km 5, Bairro Saramanta