O momento em que uma enguia perfurou o estômago de uma garça foi registrado pelo engenheiro Sam Davies, de 58 anos, que já tinha por hobby a observação da natureza em seu trabalho em Maryland (EUA). Embora haja publicações em redes sociais datadas de agosto deste ano, a imagem repercutiu internacionalmente nesta semana, quando portais de notícias estrangeiros a divulgaram. As informações são do Jornal Extra.

“Fui para o refúgio fotografar raposas e águias e tudo o que podia ser interessante. Havia duas águias jovens que viram a situação das garças e estavam seguindo-a, suponho que sentiram uma refeição. Inicialmente, pensei que a garça fosse mordida no pescoço por uma cobra ou enguia. Quando cheguei em casa e editei as fotos, vi que era uma enguia que estava passando pelo pescoço dela. Eu podia ver seus olhos e ela ainda estava viva”, relatou o fotógrafo sobre o episódio, segundo o jornal “The Sun”.

O tabloide explicou que as enguias da espécie fotografada vivem a maior parte da vida enterradas na areia e podem crescer até dois metros ou mais de comprimento. Se atacadas por predadores, podem às vezes acabar fugindo por terem uma extremidade pontiaguda usada para cavar ou se proteger.