segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Governador Flávio Dino critica “guerra das vacinas” contra o coronavírus

 

Governador Flávio Dino critica “guerra das vacinas” contra o coronavírus

O governador do Maranhão, Flávio Dino, usou as redes sociais nesta segunda-feira (19) para criticar que “não é hora de promover uma ‘guerra das vacinas’ contra o coronavírus”, entre o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP). Dino disse que é urgente que haja “responsabilidade, diálogo e coordenação nacional”.

“Este desacerto da coordenação nacional está se verificando novamente no tema das vacinas, é um alerta que faço questão de lealdade para evitar crises desnecessárias entre paternidades. A sociedade precisa e quer ter a vacina; venha de onde vier. Pouco importando a cor do gato, interessa é que ele mate o rato. Ou seja, não é hora de disputar politicamente este tema e faço questão, portanto, de sublinhar que nós temos um déficit monumental do que se refere à chamada Coordenação Nacional que é inerente à forma federativa. Isso tem resultado, como bem lembrou o ministro Paulo Guedes, inclusive em várias contendas intrafederativas no próprio Supremo Tribunal Federal. Exatamente por esta ausência de diálogo mais claro, organizado, por parte da relação entre União, estados e municípios”, garantiu o governador do Maranhão.

Sem comentários:

Publicar um comentário