segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Aldeias Altas recebe terceira Escola Digna do Governo do Estado

 


Fundada em 2008, pela autoridade umbandista de Aldeias Altas, Maria Do Ó, a Escola Municipal Santa Luzia, que primeiramente foi uma escola comunitária, funcionou durante mais de 10 anos em vários prédios alugados e, finalmente, nesta segunda-feira (19), recebeu do Governo do Estado seu prédio próprio.

“Eu olho essa escola e penso que é um sonho. Mais de 1000 aldeienses estudaram na escola Santa Luzia. Quando eu fiz o projeto eu sonhava com uma escola assim, mas nunca imaginei que pudesse se tornar realidade, hoje sou muito grata ao governador Flávio Dino por essa escola linda”, afirmou a umbandista Maria Do Ó.

Felicidade estampada também no rosto da Maria de Jesus e do pequeno Ewerton, mãe e filho que vão estudar no prédio novo da Escola Municipal Santa Luzia, localizada no povoado Gonçalves Dias.

“Eu moro aqui há 5 anos e estudava na sede, agora a nossa escola ‘tá bem’ na nossa rua. Eu gostei de tudo aqui, a escola é ampla, tem muito espaço. Os banheiros, então, são maravilhosos. Queria ter um banheiro desses na minha casa”, ressaltou a Maria de Jesus.

Na Escola Municipal Santa Luzia, a previsão é que cerca de 250 estudantes do 1º ao 5º ano estudem pela manhã e tarde, e à noite estudantes da Educação De Jovens e Adultos (EJA).

A secretária municipal de Educação, Edivana Ferreira de Souza, agradece ao governador Flávio Dino e ao secretário Felipe Camarão pela terceira Escola Digna de substituição recebida pelo município.

“Aqui na escola Santa Luzia teremos estudantes dos povoados Gonçalves Dias e Lagoa do Mato, são cerca de 250. Essa é a nossa terceira Escola Digna, as duas primeiras foram construídas nos povoados Laranjeiras e Pé do Morro. Somos só gratidão ao governador Flávio Dino e ao secretário Felipe Camarão por esse olhar carinhoso por todos os aldeienses”, ressaltou a secretária Edivana. Lecionar em um ambiente amplo, com segurança e boa estrutura também motiva os professores que trabalharão na nova Escola Municipal Santa Luzia.

Para Maria de Jesus, professora do EJA, desde 2016, professores e estudantes estão com um “gás extra” para ensinar e aprender. “Eu me sinto muito motivada a ensinar os meus alunos nessa nova escola. E tenho certeza que eles também estarão até para vir pegar as atividades aqui a partir de amanhã. A gente ‘tá’ com todas as expectativas para essa escola. Tudo novo, até hoje eu nunca tinha visto uma escola tão bonita, dá um ‘gás’ extra na gente”, ressaltou Maria de Jesus.

Sem comentários:

Publicar um comentário