O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) detonou, na tarde desta sexta-feira, 1º, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL). Para o parlamentar maranhense, o filho do presidente “assombra como um verme nojento e asqueroso”. 
Postada no Twitter, a declaração de Jerry foi uma resposta à postagem de Eduardo Bolsonaro sobre a autorização da Justiça para que o ex-presidente Lula possa sair da prisão e comparecer ao velório de seu neto, que faleceu aos 7 anos em decorrência de uma meningite. 
Também pelo Twitter, Eduardo Bolsonaro havia disparado: “Quando o parente de outro preso morrer, ele também será escoltado pela PF para o enterro? Absurdo até se cogitar isso, só deixa o larápio em voga posando de coitado”.
Márcio Jerry rebateu: “O Eduardo Bolsonaro assombra como um verme nojento e asqueroso ao tecer comentários sobre a morte do Arthur, neto do presidente Lula. Não respeita a dor alheia, este desumano sem vergonha de sê-lo”.