terça-feira, 12 de março de 2019

AS OLIGARQUIAS AROSO E CAMPOS LEVAM TACA DE DUTRA: 6X0

O Tribunal Regional Eleitoral rejeitou por 6x0 os Embargos de Declaracão apresentados pelo candidato derrotado Gilberto Aroso, cujo advogado é Fred Campos.
Nas eleições de 2016, Domingos Dutra, fazendo campanha a pé, derrotou a máquina do então Prefeito Josemar e mais quatro ex-prefeitos (Mábenes, Raimundo Filho, Bia Aroso e Giberto Aroso).

Gilberto Aroso fez uma campanha milionária, sendo Fred Campos e seu escritório advogados de Gilberto.
Durante a campanha Gilberto Aroso e Josemar solicitaram a cassação de Dutra alegando abuso de poder ecônomico e político. Juiz eleitoral julgou as duas acôes improcedentes.
Inconformados os dois candidatos derrotados recorreram para o TRE.

No início de 2018 a Corte Eleitoral julgou improcedente o recurso do ex-prefeito Josemar, o qual, após a lapada de 6x0 baixou o facho.
Gilberto Aroso, adubado pelos campos continuaram as manobras para cassar o mandato do magro velho.

Após as eleicões de 2018, Arosos e Campos movimentaram o processo, alardeavam que Dutra seria cassado e que novas eleicões seriam realizadas. Fred Campos começou a fazer campanha nas redes sociais, financiando batizados, casamentos, missas, cultos... Fred dizia que tinha o apoio dos Dep. Federais Edilazio, Maranhãozinho, Cleber Verde e do Senador Weverton.

No julgamento, a Corte Eleitoral acompanhou o brilhante voto do Relator Eduardo Moreira e deu uma piza de 6x0 nos Arosos e Campos.
Fred Campos deu indícios que havia se convertido, sem revelar qual a igreja.

Ao mesmo tempo as duas oliguaquias peparavam um novo recurso junto ao TRE para cassar o mandato de Dutra.

Na Sessão desta terca feira, a Corte Eleitoral apreciou os Embargos com efeitos modificativos apresentados pelo trio e novamente por 6X0 os juizes eleitorais acompanharam o voto do relator Eduardo Moreira, rejeitando o recurso apresentado pelo Giberto Aroso e Fred Campos.

Sem comentários:

Enviar um comentário