terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Maura Jorge ainda peregrina em busca de vaga no governo Bolsonaro


O fim das eleições  e a derrota de candidatos do PSL no Maranhão resultou em divergências internas e a busca de uma vaga no governo Bolsonaro. O médico Alan Garcês, que já deixou claro sua pretenção de sair candidato à prefeitura de São Luís, já conseguiu sua vaga no Governo Federal, inclusive integrou a equipe de transição.
Os peselistas Francisco Carvalho, vereador e presidente do partido no Maranhão; Maura Jorge, ex-prefeita e candidata pela sigla ao governo; e Samuel de Itapecuru que foi candidato ao Senado, aguardam serem chamados. Cada um destacou sua importância na disputa e vitória de Jair Bolsonaro em entrevista a Folha de São Paulo.
Samuel de Itapecuru colocou seu nome à disposição para disputar a prefeitura de São Luís em 2020, resta saber se Alan Garcês vai concordar.
Francisco Carvalho disse que ainda espera compor equipe do Governo. “Estou aguardando, como presidente do partido, que estive à frente da candidatura de Bolsonaro aqui no Maranhão, estou aguardando ser chamado. Eu não vou atrás, estou esperando. Se não for chamado, paciência”, resumiu o presidente da sigla no Maranhão.
Carvalho também falou sobre Maura Jorge, “está em Brasília pleiteando cargos”, disse o vereador.
A ex-prefeita chegou a corrigir suas afirmações que foram publicaras na entrevista do ‘Folha de São Paulo’, em que foi publicado sobre o Governo do Maranhão. “O Maranhão é o único estado ainda comandado por um governo comunista”, disse Maura à reportagem.
Maura Jorge publicou em sua sede redes sociais que a entrevista foi resumida e não retratou exatamente o que foi dito em entrevista. “Disse, entre outras coisas, que o nosso foco neste momento é em contribuir de todas as formas com o governo de Jair Bolsonaro, trazendo benefícios para o povo do Maranhão. Infelizmente, o jornal publicou apenas um minúsculo trecho de toda a minha fala, que saiu descontextualizada”, desabafou a pedetista

Sem comentários:

Enviar um comentário