quinta-feira, 15 de março de 2018

Convite para Hospital-Maternidade em Paço do Lumiar. Prefeito Domingos Dutra




“Governo Flávio Dino rompe ciclo de poder”, diz secretário de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry





Para o secretário Márcio Jerry, o atual Governo está alicerçado na transparência. (Foto: Karlos Geromy)

“O Governo Flávio Dino rompeu um ciclo de poder patrimonialista, que tinha como finalidade obter privilégios ilegais e imorais, com uso da máquina pública para perpetuação no poder. O governador estabeleceu uma governança alicerçada na transparência, correta aplicação dos recursos públicos e diálogo permanente”, enfatizou o secretário de Estado de Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), Márcio Jerry, em entrevista ao radialista Gilberto Lima no programa Comando da Manhã, Rádio Timbira, nesta quinta-feira (15).

Na ocasião, o secretário fez breve balanço de sua gestão à frente da Secap e pontuou obras e programas do Governo em áreas importantes como saúde, educação, segurança pública, produção e infraestrutura urbana. “A mudança e os investimentos são notáveis. Flávio Dino faz um governo ousado, competente e dedicado ao Maranhão”, destacou Márcio Jerry. No que se refere ao seu comando na Secap, Jerry avalia que “temos conseguido realizar um trabalho frente ao esperado pelo governador na divulgação das grandes obras e ações da gestão em todo o Estado”.

Como um dos mais significativos processos na área da comunicação, Jerry citou a recuperação plena e completa da Rádio Timbira. “Uma ação histórica que abriu a emissora aos ouvintes, popularizando e democratizando a comunicação institucional do Governo, além de modernizar sua estrutura, equipamentos e integrar meios como as redes sociais e o site”, reforçou. Jerry destacou obras na saúde com a criação de unidades de referência no tratamento de câncer, ampliando o acesso e melhorando o atendimento.




Márcio Jerry em entrevista ao radialista Gilberto Lima, na Rádio Timbira. (Foto: Karlos Geromy)

Entre as unidades está a Casa de Apoio do Hospital de Câncer do Maranhão, localizada na Madre Deus, que abriga pacientes do interior do estado e seus acompanhantes; o setor de Oncologia Pediátrica em Imperatriz; e de Oncologia no Hospital Macrorregional em Caxias. “São pacientes de grandes dificuldades de tratamento em todo o país, devido à gravidade da doença e escassez de serviços. No Maranhão, o governador amplia e torna mais humanizado esse atendimento”, pontua.

Respondendo a participação de ouvinte sobre ações de Governo na infraestrutura e outras áreas, Márcio Jerry citou a recuperação da Avenida dos Agricultores, uma das mais importantes do bairro Cidade Olímpica; a inauguração de diversas escolas que foram reformadas ou totalmente construídas na capital e interiores; e a melhoria dos índices de segurança, que garantiu à capital destaque como a única cidade de Nordeste e uma das três do país que saíram da lista das mais violentas do mundo.

Durante a entrevista, um ouvinte de Palmeirândia solicitou a construção de uma ponte para melhorar o acesso e garantir a segurança na travessia dos moradores. O secretário se comprometeu a levar a demanda à pasta da Infraestrutura e enumerou obras neste segmento como as pontes Central-Bequimão; as interbairros de São Luís; ligando Zé Doca Bezerra a Barra do Corda; de Buriti Bravo a Baú; de São Francisco a Barão de Grajaú, entre outras. “O governador tem grande capacidade de gerenciar e conhecimento de todos os sistemas do Governo. Não terceiriza as atividades para as quais o povo o elegeu. Por isso, governa bem”, reforçou.

Em mais uma participação do ouvinte, foi citado o compromisso e a sensibilidade do governador Flávio Dino com as questões dos municípios, apoiando e promovendo o desenvolvimento, mesmo em setores de responsabilidade das prefeituras. “Neste Governo há um maior diálogo com parlamentares e prefeitos, valorizando as lideranças com fins a aprimorar a relação institucional com as demais gestões”, avaliou o titular da Secap.

Questionado sobre obras de referência na educação, o secretário pontuou o Escola Digna, que substitui escolas de taipa e palha por unidades de tijolos e telhas em vários municípios maranhenses. “É uma ação que influencia no desenvolvimento das crianças e jovens em seus primeiros momentos escolares e vai refletir positivamente no futuro”. Jerry citou, ainda, a rede dos Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), criada para aliar ensino médio e formação técnico-profissionalizante, e a abertura da UemaSul para suprir a demanda por ensino superior na Região Tocantina. “Enquanto outros estados estão fechando unidades, a gestão Flávio Dino está construindo e ampliando o acesso a formação superior”, destacou.

No último bloco do programa, um ouvinte tratou das questões dos aposentados e a possibilidade de ações para aquisição da casa própria. Márcio Jerry lembrou da retração de investimentos dos governos e prefeituras em áreas como a habitação, devido à crise, mas lembrou que a gestão Flávio Dino buscou meios, criando o Minha Casa Meu Maranhão, que tem garantindo moradia em municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

O secretário citou, ainda, a construção de unidades habitacionais aos servidores do Estado no Parque Independência, e o Cheque Minha Casa, para reforma de residências com ênfase em obras de saneamento básico. “Para defender o Governo Flávio Dino basta apenas falar a verdade, comparando o que temos hoje com o que era no passado. Hoje temos um governo sério, transparente e comprometido com o povo e com o Maranhão. Por tudo isso, o Maranhão está em boas mãos. Nas mãos de um governador honesto”, finalizou Márcio Jerry.

Governo lança edital para contratação de professores do Ensino Médio regular

O Governo do Maranhão divulgou, nesta quinta-feira (15), edital de processo seletivo simplificado para contratação temporária de 25 professores e formação de cadastro reserva, para atuarem na Educação Básica, na modalidade de Ensino Médio Regular.

As inscrições serão gratuitas e devem ser realizadas a partir das 0h de segunda-feira (19) até às 23h59 do dia 23 (sexta-feira), exclusivamente, pelo endereço eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (www.educacao.ma.gov.br).

O candidato deverá preencher a ficha de inscrição, disponibilizada no portal da Seduc, e entregá-la junto com os documentos e títulos, no período de 19 a 26 de março, das 13h às 19h, conforme endereços indicados no edital do seletivo, também disponível no site da secretaria.

O processo seletivo para professores da educação básica, na modalidade de Ensino Médio Regular, será realizado em etapa única e é composto de Avaliação Curricular de Títulos e de experiência profissional docente.

Os candidatos aprovados, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc em regime de 20 horas de trabalho semanais.

O Processo Seletivo tem caráter eliminatório e classificatório e serão considerados aprovados os candidatos que comprovarem possuir os requisitos básicos necessários à disciplina pleiteada.

Sesc abre inscrições para cursos gratuitos oferecidos em abril


As inscrições acontecem de 12 a 19 de março, nos horários de 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30, na Sala de Técnicos do Sesc Deodoro
SÃO LUÍS - O Serviço Social do Comércio do Maranhão (Sesc-MA) oferta para o mês de abril cursos de Fundamentos da Pintura em Aquarela em Tecido: Tay Day Etnico, de Pano de Prato com Patchwork e de Joias com Tecidos. As inscrições acontecem de 12 a 19 de março, nos horários de 7h30 às 11h30 e 13h30 às 17h30, na Sala de Técnicos do Sesc Deodoro. Os resultados serão divulgados dia 26 de março. A formação é uma oportunidade para quem quer ganhar uma renda extra posteriormente ou para seu próprio conhecimento.

O curso de Fundamentos da Pintura em Aquarela em Tecido: Tay Day Étnico. O tie-dye é uma técnica de customização simples e seu significado é “amarrar e tingir”, em que se enrola o tecido para ser tingido. O curso será realizado de 9 a 13 de abril, no Centro Cultural e Eclesial de Vila Passos.

O outro curso, também com técnicas manuais é o de Pano de Prato com Patchwork. A tradução literal de patchwork é “trabalho com retalho”, ou seja, uma técnica que une tecidos com uma infinidade de formatos variados. As aulas acontecem de 16 a 20 de abril, na Igreja Batista Kerigma, no Bairro de Fátima.

O curso de Joias com Tecidos vai ensinar a elaboração de acessórios de moda com sobras com objetivo principal de utilizar a criatividade e habilidade manual estimulando o participante a ter um olhar diferenciado sobre os resíduos de tecidos, resgatando técnicas do artesanato e do imaginário brasileiro. Com aulas teóricas e práticas as aulas acontecem de 23 a 27 de abril, no Auditório Sesc Deodoro.

Ofertados pelo Programa de Comprometimento e Gratuidade, os cursos de Valorização Social mensalmente proporcionam aprendizagem de técnicas manuais visando ao desenvolvimento de habilidades e competências de nível básico, que contribuam para a socialização e geração ou complementação da renda individual ou familiar.

quarta-feira, 14 de março de 2018

🤔COMO PODEMOS CONVERSAR NUMA FESTA❓

Habitação e transporte são temas da oficina de leitura comunitária do PDDI em Paço do Lumiar

Assim como nos demais municípios, a oficina em Paço do Lumiar contou com a participação de lideranças comunitárias, técnicos da Agem, Imesc, Secid e gestores municipais. (Foto: Divulgação)

Nesta quarta-feira (14), foi a vez do município de Paço do Lumiar receber a Oficina de Leitura Comunitária do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI), realizado pelo Governo do Estado do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid) e em parceria com a Agência Estadual Metropolitana (Agem) e o Instituto de Estudos Cartográficos Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos do Maranhão (Imesc).

A elaboração do PDDI é parte de um processo dinâmico e permanente de planejamento da Região Metropolitana da Grande São Luís, que conta com 13 municípios mapeados, para nortear ações de curto, médio e longo prazo.

Assim como nos demais municípios, a oficina em Paço do Lumiar contou com a participação de lideranças comunitárias, técnicos da Agem, Imesc, Secid e gestores municipais.Na ocasião, foram debatidos diversos indicadores encontrados no município, entrando em temas como segurança, mercado de trabalho, resíduos sólidos, mobilidade urbana, gestão pública e cultural, entre outros.

A oficina contou com a presença do prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra. “Esta oficina serve para avançar na integração dos municípios que integram a região metropolitana. Este momento é para identificar os assuntos que são de interesse comum dos municípios. Para que haja um planejamento e um plano de execução de ações, é preciso que se identifique os problemas que atingem Paço do Lumiar, Raposa, São Luís e todos os municípios envolvidos. Portanto, a oficina é importante para confirmar e melhorar os indicadores levantados”, pontuou o prefeito.

Quem também avaliou a importância da oficina para o município foi o coordenador do eixo de Institucional do Imesc, Frederico Burnett. “A oficina contou com uma participação qualificada com representantes do poder público e da sociedade civil, que colocaram questões relevantes no que se refere ao saneamento e ao transporte, por exemplo. Contribuições que serão incorporadas ao diagnostico, e novos contatos serão feitos para melhorar estas informações. Acreditamos que estas questões precisam de um olhar muito especial”, apontou o coordenador.

A partir do levantamento de dados e informações em pesquisas de campo, realização de entrevistas e aplicação de questionários, observação direta intensiva e registro fotográfico, os técnicos organizaram as informações que foram discutidas e complementadas pela comunidade, construindo uma visão compartilhada dos problemas e potencialidades de cada município da Grande São Luís.

O Diagnóstico da Região metropolitana será elaborado de forma participativa, com o aporte da visão e das demandas dos gestores e de representantes da sociedade civil das treze municipalidades envolvidas, servindo também como base para a identificação das funções de uso comum, das macrodiretrizes e do macrozoneamento da Região Metropolitana da Grande São Luís.

As oficinas serão realizadas, ainda, nesta quinta-feira (15), em São José de Ribamar e na sexta-feira (16), em São Luís.

UEB Conjunto Paranã é entregue após reforma e requalificação feitas pela Prefeitura de Paço do Lumiar

Alunos da primeira Escola do Campo reformada pelo Governo são aprovados em vestibular


Alunos aprovados no Vestibular Especial Procampo, da UFMA. (Foto: Divulgação)
Orgulho, contentamento e sensação de dever cumprido. São estes os sentimentos que tomaram conta de alunos, professores e gestores da Unidade Integrada Roseli Nunes, no município de Lagoa Grande do Maranhão. O motivo de tanta alegria foi a aprovação de 12 dos 13 alunos inscritos no Vestibular Especial Procampo, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).
O Procampo é um programa da Secad/MEC de incentivo à formação dos professores para atuarem na modalidade Educação do Campo, em escolas famílias-agrícolas, quilombolas e áreas de assentamento de reforma agrária. Foram oferecidas 60 vagas para Licenciatura em Educação no Campo que funcionará no Campus da UFMA em Bacabal. São 30 para a habilitação em Ciências Agrárias e 30 para habilitação em Ciências da Natureza e Matemática.
Os estudantes Francisca Alves de Oliveira (1º lugar), Maria Rainara da Silva Araújo (3º), Ramon de Sousa Rocha, Ramailson da Silva Araujo, Izac Farias Lima, Maria Railene da Silva Araujo, Maedna Santos Araujo, Endeson de Jesus Santos, Aurélio Marcos Costa da Silva e Hiana Branco de Sousa conquistaram vagas para o curso de Licenciatura Ciências Agrárias, com ampla concorrência.
Já os alunos Kaelson Santos Araújo (5º lugar) e Cícero da Silva Sousa foram aprovados para o curso de Ciências da Natureza e Matemática, também na ampla concorrência. Os jovens, todos da zona rural, estão vivendo um momento de pura felicidade.
“A escola foi muito importante para mim, porque eu não tinha como ir para a cidade, e a Roseli Nunes foi a minha melhor opção. E essa escola foi muito importante para mim, porque tinha uma metodologia diferente que me proporcionou muitas possibilidades. Esse momento que eu estou vivendo, devo muito à minha escola e aos meus professores. Eu não acreditei quando vi meu nome na lista”, disse Francisca Alves de Oliveira, 1º lugar em Licenciatura de Ciências Agrárias, que sempre estudou em escolas rurais, desde o Ensino Fundamental.
Procampo: Alunos reunidos no dia da inauguração da escola. (Foto: Divulgação)
Primeira Escola do Campo entregue pelo Governo
A Unidade Integrada Roseli Nunes, fica no PA Cigra – Vila Kênio, Assentamento em Lagoa Grande, uma área que já foi marcada por conflitos agrários. A escola começou a funcionar no ano de 2006, em um barracão de taipa erguido pelos próprios alunos, sem a menor estrutura. Depois passou a funcionar um prédio de alvenaria, apertado, quente, onde as únicas condições favoráveis para o processo de ensino e aprendizagem eram a vontade, o sonho e a dedicação de professores e alunos em transformar suas realidades.
A U.I Roseli Nunes se tornou a primeira escola da Educação no Campo construída e entregue pelo Governo do Estado, em dezembro do ano passado. Na época, durante a inauguração da escola, construída para dar conforto e condições dignas para os professores e alunos, a gestora geral da escola, Maria Leomar Pereira de Sousa, destacou a importância daquele momento para uma comunidade inteira.
“Para muita gente, ter uma escola com uma geladeira, um freezer, sala de aula equipada parece pouco, mas para nós do campo representa muito. Hoje o Governo Flávio Dino deixa sua marca na história da Educação do Campo do Maranhão. Agora, a gente tem a força do Estado no campo”, pontuou a professora Maria Leomar Pereira de Sousa, na época da inauguração.
A aprovação dos alunos no Vestibular Procampo mostra que a professora Maria Leomar tinha toda razão: escola de qualidade é parte de um processo construção de justiça social, e quando isso acontece, faz muita diferença na vida das pessoas.
“O fato de nossos alunos terem sido aprovados no Vestibular Procampo, para nós, professores e coordenação da escola, é muito importante e nos alimenta a continuar a luta, querer que a gente melhore a cada dia. Esse resultado é maravilhoso e ao mesmo tempo surpreendente, porque a gente sabe do nosso potencial, mas, às vezes, não acredita, principalmente porque o povo do campo sempre teve que conviver com a negação ao conhecimento, à escola. Mas, mesmo assim, com toda essa negação que perdurou durante muito tempo, quando a gente tem o essencial para fazer acontecer, o resultado aparece. Estamos todos felizes”, disse a professora Maria Leomar.
“Esta é mais uma prova consistente de que uma escola estruturada e com condições dignas de ensino e aprendizagem pode transformar a vida das pessoas. É exatamente isso que o governador Flávio Dino vem fazendo desde o início da sua gestão: reestruturando a escola e a educação, criando condições para que os nossos jovens possam construir as suas histórias de vida. Estes 12 jovens da U.I. Roseli Nunes, com certeza, estão escrevendo um capítulo importante na história deles”, destacou o secretário de Educação, Felipe Camarão.
Procampo: O governador Flávio Dino inaugurando a escola em dezembro do ano passado. (Foto: Divulgação)

terça-feira, 13 de março de 2018

Artigo de Robson paz - Juventude: colapso e esperança


Prazo para pré-selecionados concluírem inscrição no Novo Fies vai até quinta (15)


Neste ano, serão oferecidas 310 mil vagas pelo Novo Fies, sendo 100 mil com juro zero.
IMIRANTE.COM, COM INFORMAÇÕES DO PORTAL BRASIL13/03/2018 às 14h56
Já para a outra modalidade do financiamento, o P-Fies, o prazo foi estendido até a próxima sexta-feira (16). ( Foto: Divulgação)
BRASÍLIA - O prazo para os estudantes pré-selecionados no Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) concluírem a inscrição está aberto até a próxima quinta-feira (15), pelo Fies Seleção. Estão sendo oferecidas, a juro zero, 80 mil vagas para alunos com renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos
Já para a outra modalidade do financiamento, o P-Fies, o prazo foi estendido até a próxima sexta-feira (16). Nessa modalidade, o financiamento será feito por um banco e os candidatos deverão apresentar renda familiar mensal de três a cinco salários mínimos. O P-Fies prevê 75 mil vagas no primeiro semestre de 2018.
Leia também:
Podem se inscrever no Fies estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e tiraram média de notas igual ou maior a 450, além de nota superior a zero na redação. Os financiamentos são liberados para cursos de graduação com conceito no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) maior ou igual a três.

Governo do Estado lança Protocolo de Saúde Mental "O objetivo é permitir que o tratamento dos pacientes seja feito próximo de onde as pessoas residem" disse Sec.Carlos Lula

Com ação civil pública, Procon quer impedir cobrança de marcação antecipada de assentos


O Procon/MA protocolou, nesta semana, na Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, uma ação civil pública para garantir a suspensão da cobrança de marcação antecipada de assento por parte da GOL Linhas Aéreas.

No dia 22 de fevereiro, os consumidores brasileiros foram surpreendidos com a notícia de que a empresa aérea passaria a realizar cobrança para marcação de assento fora do prazo de check-in – marcações realizadas com antecedência superior a sete dias da data da viagem –, criando ainda uma nova classificação de tarifas.

A companhia defendeu que a mudança permitiria a oferta de passagens mais baratas, com descontos de até 30%.

Os consumidores que comprarem passagem nas duas tarifas mais baratas da empresa não terão direito a despacho de bagagem gratuito nem a escolha de assento de forma antecipada. Eles poderão, no entanto, contratar os serviços separadamente, pagando taxas adicionais.

Ao implementar a cobrança por marcação antecipada de assento, a companhia aérea deixou de reconhecer a vulnerabilidade do consumidor, permitindo que ele fique ainda mais exposto aos interesses exclusivos dos fornecedores, sem garantia concreta de qualquer benefício ou melhoria na prestação do serviço. A referida cobrança configura, ainda, as práticas abusivas disciplinadas no art. 39, V e X, do Código de Defesa do Consumidor, caracterizando uma vantagem manifestamente excessiva e elevação sem justa causa no preço dos serviços.

“Quando houve o fim da franquia gratuita de bagagem, as companhias aéreas garantiram que as passagens seriam barateadas, o que não ocorreu na prática. Por isso, estamos atuando para garantir a anulação de cobranças abusivas e que os direitos dos consumidores sejam assegurados”, concluiu o presidente do Procon/MA, Duarte Júnior.

Na ação é requerida, também, multa de R$ 12 milhões de reais por danos morais coletivos. O consumidor que se sentir lesado pela referida cobrança deve formalizar sua reclamação nos canais de atendimento do órgão, a exemplo do aplicativo, site ou nas unidades fixas.

'Com recursos próprios, Prefeitura de Paço do Lumiar já asfaltou 20 ruas no Maiobão' disse o prefeito Domingos Dutra


Com recursos próprios, Prefeitura de Paço do Lumiar já asfaltou 20 ruas no Maiobão e está recuperando vias do Pau Deitado, Mocajutuba e Novo Horizonte. As máquinas estão na Rua 112 do Maiobão. Confira no vídeo 

segunda-feira, 12 de março de 2018

Governo realiza capacitação em Paço do Lumiar para evitar o desperdício de alimentos


Governo realiza capacitação em Paço do Lumiar para evitar o desperdício de alimentos. (Foto: Divulgação)
O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Social (Sedes), órgão responsável pela execução das políticas de segurança alimentar no Maranhão, realizou nos dias 8 e 9 de março, capacitação sobre “Aproveitamento integral dos alimentos”, para mulheres da comunidade Jardim Verde, em Paço do Lumiar. Com carga horaria de 8 horas, a capacitação orientou as 35 participantes sobre o desperdício, higienização e conservação dos alimentos. A secretaria adjunta de Segurança Alimentar e Nutricional da Sedes, Lourvídia Caldas, explicou sobre a importância das capacitações nas comunidades.
“Nossas orientações trazem benefícios para a comunidade acerca da manipulação e consumo dos alimentos. As pessoas aprendem a reaproveita-los, e não descartar partes importantíssimas e muitas vezes com grande valor nutricional como cascas, talos e folhas, que culturalmente são desperdiçados”, disse Lourvidia.
O curso abordou as boas práticas de manipulação dos alimentos, como conservação, manipulação e transporte dos mesmos, bem como higienização pessoal, ambiental e operacional, além de aulas práticas com execução de receitas como risoto de arroz e casca de abóbora, doce de casca de abóbora, suco de abacaxi com casca, biomassa de banana, mingau de banana verde, dentre outros.
O encerramento ocorreu com palestra sobre “Violência contra a mulher” em alusão ao Dia Internacional da Mulher, com a palestrante Silvia Black.

Obras da unidade do IEMA em Matões entram em fase de finalização

Obras da unidade do IEMA em Matões entram em fase de finalização. (Foto: Divulgação)
Mantendo o compromisso de oferecer uma educação técnica de nível médio aos estudantes maranhenses, o Governo do Estado planeja entregar o próximo Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) em Matões. A previsão é que as obras sejam concluídas até o mês de abril.
Construída pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) com investimento de R$ 12,4 milhões, o IEMA em Matões será entregue com uma estrutura moderna e bem equipada com salas de aula, laboratórios, biblioteca, auditório e quadra poliesportiva. Os prédios contam, ainda, com refeitórios para os alunos fazerem as três refeições nos dias de aula, de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.
Obras da unidade do IEMA em Matões entram em fase de finalização. (Foto: Divulgação)
“Os investimentos da Infraestrutura são chaves para e expansão dos IEMA’s no Maranhão. E a Sinfra é a secretaria responsável por essas construções. Nós temos muita confiança de que o IEMA irá contribuir para desenvolver o Maranhão ao formar uma nova geração de maranhenses preparados para o século 21 e capazes de alavancar esse estado dos últimos lugares dos principais indicadores sociais, econômicos, políticos. Nós acreditamos nisso, que esse investimento será determinante para o futuro do Maranhão”, destacou o reitor Jhonatan Almada.
Além das nove unidades entregues em São Luís (uma na área do Itaqui-Bacanga e outra no Centro), Axixá, Bacabeira, Pindaré Mirim, Timon, Coroatá, Santa Inês e São José de Ribamar, o Governo planeja, até o final do ano, entregar mais quatro: a unidade de Matões e outras em Brejo, Cururupu e Presidente Dutra.
Com a ampliação dos institutos o Governo mantém a proposta do IEMA de ofertar educação técnica integral, com infraestrutura, equipamentos e pessoal para o desenvolvimento de cursos técnicos integrados ao ensino médio, respeitando as necessidades locais e as prioridades estratégicas do Maranhão.
“São escolas de ensino técnico profissionalizante que aproveitam as vocações econômicas de cada região e contribuem para que os jovens tenham acesso ao conhecimento científico, técnico e profissionalizante. Dessa maneira, com esse planejamento que está sendo executado, o Governo do Maranhão tem dado avanços significativos e que cada vez mais, no futuro breve, serão melhor identificados pela população do nosso estado”, disse o secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto.
Obras da unidade do IEMA em Matões entram em fase de finalização. (Foto: Divulgação)

Ano letivo em Paço do Lumiar começará com 38 escolas reformadas e aumento salarial a professores


O ano letivo de 2018 começará nesta segunda-feira, 12, nas escolas municipais de Paço do Lumiar. Nas três unidades de tempo integral a volta às aulas será no dia 26. O reinício das atividades escolares ocorre com várias novidades. Trinta e oito escolas da rede pública municipal foram reformadas e requalificadas; a UEB Alana Ludmila (antiga Marly Sarney) iniciará as atividades como a primeira escola de tempo integral do Maiobão e os professores terão reajuste salarial de 6,81%, retroativo a 1º de janeiro.
“No retorno às aulas, os alunos, professores e gestores dessas escolas terão ambientes mais adequados para o ensino-aprendizagem e os professores um estímulo a mais”, afirmou o prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB). “Tinha escola aqui que o aluno não conseguia se concentrar por causa do calor. Durante a campanha prometemos que iríamos transformar as escolas municipais em espaços mais dignos e agora estamos honrando o compromisso. Vamos requalificar todas as 84 escolas até o final da gestão”, reforçou o prefeito Dutra. 
As reformas incluíram - a maior parte delas - serviços de retelhamento, de colocação de forro, grades, restauração das partes elétrica e hidrossanitária, além de pintura, troca de lousas e recuperação de janelas, portas e do piso. Cinco Unidades de Educação Básica (UEB): Iguaíba (antigo Alfredo Silva), Alcilene Moraes (Iguaíba), Lêda Tajra (Vila de Paço), Tácito Caldas (Vila de Paço) e Alana Ludmila (Maiobão) serão climatizadas, com a colocação de aparelhos de ar-condicionado.
A UEB Alana Ludmila (antiga Marly Sarney) passará a funcionar como escola de tempo integral, a primeira nesse sistema no bairro Maiobão. “A escola foi reformada, vai ser climatizada e passará a funcionar em período integral, oferecendo um ambiente mais agradável e acolhedor a todos”, explica o secretário municipal de Educação, Fábio Rondon. Na Alana Ludmila e nas outras duas unidades de tempo integral do município: Creche Sebastiana Sobreiro (Maiobão) e UEB Geralda Melo (Cotovelo) as aulas começarão no dia 26 de março.

Outra melhoria foi a reforma do antigo prédio da Secretaria Municipal de Administração, na sede do município, onde foram instaladas seis salas de aula, permitindo que 18 turmas funcionem nos turnos matutino, vespertino e noturno, na educação infantil, de jovens e de adultos, por meio do programa EJA (Educação de Jovens e Adultos). Estas novas salas funcionarão como anexos das UEBs Tácito Caldas e da Lêda Tajra e destinam-se principalmente aos moradores dos novos núcleos habitacionais entregues recentemente pelo programa Minha Casa, Minha Vida na região de Iguaíba.

Reajuste dos professores

Com o reajuste de 6,81% nos salários dos cerca de 700 professores da rede municipal, a remuneração para o regime de 40 horas dos profissionais do magistério da educação básica vai variar de R$ 2.844,24 a R$ 6.900,01. E dos profissionais do magistério especialistas da educação básica, de R$ 3.413,10 a R$ 6.900,03, dependendo da titulação.

No caso de professores com doutorado, por exemplo, a Prefeitura de Paço do Lumiar pagará salários de até R$ 6.900,00.

Para regime de 20 horas dos profissionais do magistério da educação básica, o salário vai variar de R$ 1.896,17 a R$ 4.600,01. E as mesmas 20 horas para profissionais do magistério especialistas da educação básica terão remuneração que vai variar de R$ 2.275,41 a R$ 4.600,03, também dependendo da titulação.
“Em Paço, os professores já recebem acima do piso e agora terão o reajuste definido pelo MEC. Temos também um programa educacional diferenciado, com a capacitação constante de professores, gestores, coordenadores. Há aulas de robótica e o programa dos campos agrícolas escolares. Todas estas melhorias no sistema educacional contam com o apoio decisivo da secretária municipal de Administração, Finanças e Planejamento, Núbia Feitosa Dutra”, ressalta o secretário Fábio Rondon.

Embora uma educação de qualidade não se resuma a bons indicadores de desempenho escolar, todas essas ações devem ajudar também a elevar o Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) no município. Em 2015, na gestão anterior, o Ideb de Paço do Lumiar ficou bem abaixo da meta.