quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Márcio Jerry diz que Educação é o carro-chefe da gestão Dino e garante mais obras no setor


1
Na entrevista coletiva nesta quinta-feira (13) na qual apresentou um resumo do balanço dos quatro primeiros anos do governo Flávio Dino, o secretário Márcio Jerry foi questionado sobre qual teria sido o carro-chefe dos investimentos feitos desde 2015. Ele escolheu a educação.
“O conjunto da obra na Educação é inegavelmente o que tem mais importância neste período de governo. Não há possibilidade de implantar política de desenvolvimento sem base educacional”, disse o titular da Secretaria de Estado de Comunicação Social e Assuntos Políticos.
De acordo com ele, esse é o fundamento para o desenvolvimento do Maranhão com justiça social.
“Este é um governo exitoso, que cumpriu com suas responsabilidades. Temos uma marca importante, por exemplo, que são as 830 Escolas Dignas construídas, reconstruídas ou reformadas”, disse o secretário. “Muitas são em lugares ermos, mais distantes dos grandes centros.”
Segundo Jerry, outras 70 serão entregues nas próximas semanas. Apesar da crise econômica nacional, que tirou R$ 1,5 bilhão de repasses federais do Maranhão desde 2015, o Estado conseguiu ampliar investimentos e serviços.
Mais investimentos
Para o próximo mandato, Márcio Jerry citou algumas obras que serão entregues. Por exemplo, o novo campus da Uema em São Bento. Ou os novos campi das UemaSul em Estreito e Imperatriz.
A UemaSul foi criada por Flávio Dino a partir de um pedido antigo de alunos e professores da Região Tocantina.
O curso de Medicina também vai se tornar realidade na UemaSul. Será no campus de Imperatriz. “O curso vai ser um acontecimento notável na região. A UemaSul está se consolidando como universidade de alta performance”, afirmou.
Entre as futuras entregas, também estão novas escolas integrais, além das mais de 50 que existem hoje. E também novas unidades do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia (Iema).

Sem comentários:

Enviar um comentário