domingo, 25 de março de 2018

Médico que pagava promessa em caminhada morre atropelado

Médico estava pagando uma promessa quando foi atropelado

O médico urologista Luiz Carlos Cantanhede, 56 anos, morreu na manhã deste domingo (25), ao ser atropelado por um veículo na Estrada de Ribamar. Ele estava indo a pé para a cidade de São José de Ribamar junto com sua família para pagar uma promessa, após a cura de um câncer.

Durante a caminhada o urologista foi atropelado por um Celta prata, conduzido por Gilson Carlos Barros Ferreira, morador da Cidade Operária. O condutor apresentava claros sinais de embriaguez e estava em alta velocidade, segundo levantamento da Polícia.

O médico ainda chegou a ser socorrido e levado para o Hospital São Domingos, onde foi atendido por seu filho que estava de plantão. No entanto, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Gilson Carlos foi conduzido para o Plantão do Maiobão, onde preste depoimento e deve ser conduzido ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas. O primeiro teste de alcoolemia feito na delegacia apontou para positivo para a presença de álcool no organismo.

Sem comentários:

Enviar um comentário