terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Roseana Sarney, a fake


Roseana Sarney foi a Chapadinha carregada por Edinho Lobão para visitar uma importante reunião de pastores evangélicos. Sem muita familiaridade com a Bíblia, recorreu a um texto mal escrito, que foi mal lido, como de costume. Antes do culto ainda ignorou os líderes do evento afirmando que tinha ido atendendo a um convite do pastor Bel, aliado político dela.
Porém, o que mais chamou atenção dos presentes foi a artificialidade. Roseana tentou ser o que não é, nem nunca foi. Festeira, amante de boates, luxos e jogatinas desregradas, não lhe coube bem o papel de “pastora” que tentou encarnar. Ficou fake e foi até alvo de risos.
Ao final ela deixou uma péssima impressão de falsidade, o que fez muitos reagirem indignados. Houve até pastores que não contiveram comentários críticos à péssima performance de Roseana. “Não disse nada com nada, discurso tolo de quem pensa que a gente é besta”, desabafou um deles.

Sem comentários:

Enviar um comentário