quarta-feira, 6 de setembro de 2017

“FORA, SARNEY”, GRITA PÚBLICO NO ENCERRAMENTO DA CARAVANA DE LULA EM SÃO LUÍS


O encerramento da Caravana Lula pelo Brasil, nesta terça-feira (5), em São Luís, foi marcado também pelo coro “Fora, Sarney”. Os gritos da multidão que lotou a praça Dom Pedro II tiveram um sabor especialmente mais amargo para os sarneyzistas, já que Lula se recusou a marcar encontros com o ex-senador durante a passagem pelo Maranhão.
O coro foi puxado durante a fala de João Pedro Stédile, coordenador do MST (Movimento dos Sem-Terra), que falou sobre os problemas deixados pela família Sarney no Estado.
Em vez de marcar compromissos com José Sarney, Lula agendou três eventos com o governador Flávio Dino. Um foi ao chegar a São Luís, na noite de segunda-feira (4). No dia seguinte, ambos visitaram pela manhã o Porto de Itaqui. E à noite houve o ato de encerramento da caravana.
Durante o ato, Lula fez questão de se mostrar politicamente próximo ao governador. “Quero agradecer a lealdade, o carinho e a dedicação do companheiro Flávio Dino”, afirmou o ex-presidente durante o discurso.
Além de “Fora, Sarney”, o ato também teve os gritos de “Fora, Temer”. Ambos são do PMDB.

Sem comentários:

Enviar um comentário