quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Andrea Murad teve campanha financiada por empresa contratada para construir Hospital de Chapadinha


Por: John CutrimData de publicação: 06/09/2017 - 12:36



A deputada Andrea Murad quando não falseia na tribuna da Assembleia Legislativa, o faz em seus perfis nas redes sociais. E foi assim, que a filha de Ricardo Murad contou uma série de mentiras sobre a obra do Hospital Macrorregional de Chapadinha.

O que Andrea Murad não diz é que a obra esteve ‘paralisada’ por conta de uma série de irregularidades envolvendo a Ires Engenharia. O que a deputada não quer rememorar é que a construtora recebeu pagamentos, além do valor licitado, e não concluiu as obras pagas por Ricardo Murad, acusado de comandar organização criminosa que desviou mais de R$ 1 bilhão da saúde estadual.

A filha de Ricardo Murad também esqueceu que enquanto recebia dinheiro das obras não realizadas, a Ires Engenharia fazia doações para sua campanha eleitoral e de seu cunhado Sousa Neto.

No dia 24 de setembro de 2014, por exemplo, a Ires Engenharia depositou R$ 60 mil na conta bancária de Andrea Murad. A deputada lembra desta doação? Nessa mesma data a empreiteira que recebeu e abandonou a obra do Hospital Macrorregional de Chapadinha, doou R$ 40 mil à campanha de Sousa Neto. A filha e o genro de Ricardo Murad não devem lembrar.

As doações da Ires Engenharia aos deputados Andrea Murad e Sousa Neto ocorreram sete dias depois da construtora receber o pagamento de R$ 3,1 milhões por meio da ordem bancária 20140B15351, em 17 de setembro de 2014, da gestão de Ricardo Murad.

Andrea Murad também esqueceu que tramita na 13ª Vara da Justiça Federal uma ação onde são réus o seu pai Ricardo Murad e a construtora Ires Engenharia, ela própria e o cunhado.

Talvez seja com vontade de relembrar os bons tempos de farra com dinheiro da saúde que Andrea tenha que mentir tanto.


Leia mais: http://jornalpequeno.blog.br/johncutrim/andrea-murad-teve-campanha-financiada-por-empresa-contratada-para-construir-hospital-de-chapadinha/#ixzz4rxLb0iUB

Sem comentários:

Enviar um comentário