sexta-feira, 9 de junho de 2017

TJ-MG atualiza pena de Bruno, e goleiro só poderá sair em 2019

Goleiro, que voltou à cadeia em Varginha desde abril, não consegue progressão de pena para voltar ao futebol neste ano

A expectativa de Bruno em voltar ao futebol foi frustrada. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) atualizou o atestado de pena do goleiro, dando margem para que ele peça progressão de pena para o regime semiaberto, inicialmente, a partir de 11 de março de 2019.
Advertisment

Os advogados de defesa de Bruno Fernandes das Dores de Souza chegaram a protocolar um pedido para que ele saísse da cadeia ainda neste ano, e retornasse à meta do Boa Esporte. Segundo informações de 'O Tempo", mesmo com o goleiro detido, o clube de Varginha não havia rescindido seu contrato.

Sem comentários:

Enviar um comentário