sábado, 20 de fevereiro de 2016

UM MUNDO EM PRETO, E MAIS OU MENOS BRANCO! Texto de Gilberto Nunes

> Curta a page Eterno Gil Nunes
Havia negros por todos os lados. Sentiu-se um peixe fora-da-àgua. E todo mundo o olhava como se fosse um mesmo. Sua pele clara e olhos azuis contrastavam com o negro predominante na maioria dos outros alunos.
Logo na entrada, encontrou-se com um velho amigo de infância limpando o corredor do curso de Direito. Lembrou-se dele, de como diziam que teria um futuro promissor, apesar de ser branco. E agora estava ali. Tanto potencial desperdiçado em um balde e esfregão.
Não entendia como o país podia ser tão racista, discriminador. A maioria branca e pobre era relegada a segundo plano, enquanto a minoria negra gozava dos benefícios do poder. Conseguiu a vaga na universidade pública por meio do "discutível" sistema de cotas para brancos. Ainda na primeira aula, sentiu o peso das desigualdades em um país continental. Um grupo de alunos negros, prejudicados pelas cotas, fizeram um barulhento protesto em frente à universidade.
Sentiu-se meio culpado, mas o que podia fazer?
Nunca teve oportunidade na vida e não podia perder essa porta de entrada para o ensino superior. Ainda mais no curso de Direito, onde a elite negra predominava. Quantos advogados ou juízes brancos existiam? O mínimo do mínimo!
Os brancos sempre foram tratados como seres inferiores, incapazes, mentalmente involuídos. Claro que nem todo negro pensava assim. Alguns intelectuais pregavam o respeito às diferenças existentes nos seres humanos e que todos deviam ser tratados de forma igual. Eram brancos, mas eram humanos em primeiro lugar. Todos eram humanos.
Entretanto a mídia era dominada pela "beleza negra". Os grandes atores, cantores e apresentadores eram negros. Os brancos eram sempre retratados como uns pobres coitados , marginais ou traficantes. Ser branco era como ser parte de um grupo à parte, portador de alguma doença contagiosa.
Por isso, o governo estabeleceu o programa das cotas pois era consciente de que o voto dos brancos também é válido. Não era uma solução, mas ao menos mascarava um pouco. E deixava os brancos mais felizes. As leis raciais também ajudavam a estabelecer a idéia de um país uniforme. Chamar alguém de "giz", "leite" ou qualquer outro termo discriminatório por causa da cor da pele era crime inafiançável.
E dessa forma, uma nação multicolorida estava sendo formada.
Só esqueceram de dizer que o racismo é uma coisa sem sentido. E sobre qualquer forma ou cor, trata-se da mais rudimentar burrice.
E nada mais além disso.

Roseana Sarney se recupera de cirurgia, mas sem previsão de alta médica

Na manhã dessa sexta-feira (19), a ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, foi submetida a uma cirurgia para retirada de um nódulo no rosto. O procedimento, realizado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, foi considerada bem sucedida, revelou a assessoria de comunicação da ex-governadora, via nota enviada neste sábado (20).

A nota informa, ainda, que Roseana Sarney permanecerá internada. "Permanece internada, ainda em recuperação, ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, que foi operada na última sexta-feira (19), com diagnóstico de tumoração em seios da face. A cirurgia realizada ontem foi considerada bem sucedida. Roseana foi novamente avaliada pelos médicos hoje, mas ainda não tem previsão de alta".

A descoberta do nódulo aconteceu no mês de janeiro deste ano, após Roseana fazer exames de rotina.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Fumar maconha aumenta em cinco vezes as chances de desenvolver alcoolismo. Por Clayton Collins



O uso da erva também pode ser prejudicial para quem já tem problemas com álcool, ajudando o vício a persistir.
Um novo estudo, desenvolvido pela Universidade Columbia e pela Universidade da Cidade de Nova York, revelou que fumar maconha aumenta as chances de desenvolver problemas de alcoolismo em cinco vezes, quando compara-se com os adultos que não fazem uso da erva. A pesquisa aponta que as chances de o alcoolismo persistir se o viciado também fuma são maiores.


A pesquisa analisou dados de mais de 27 mil adultos coletados pela Pesquisa Nacional Epidemiológica sobre o Álcool e Condições Relacionados, com destaque para aqueles que fizeram uso de maconha antes de terem qualquer problema com o álcool. Os que fumaram maconha pela primeira vez e continuaram fumando baseados pelos três anos seguintes (23%), tiveram cinco vezes mais problemas com álcool, comparados com aqueles que fizeram uso da droga (5%). Porém, outros aspectos da vida destes usuários não foram avaliados.

"Nossos resultados sugerem que o uso de maconha possa estar relacionado ao aumento da vulnerabilidade para o desenvolvimento de distúrbios relacionados ao álcool, mesmo entre aqueles que não têm histórico de alcoolismo", afirmou Renee Goodwin, coordenador do estudo.
"Maconha também parece aumentar as chances de que um problema já existente com o álcool persista."

Os próprios pesquisasores que conduziram o estudo afirmam que é importante aprofundar as análises, para entender esses padrões e olhar mais cientificamente para a relação entre as duas substâncias.

Entretanto, caso as suspeitas se confirmem, prevenir ou retardar o primeiro uso de maconha pode ajudar a minimizar os índices de alcoolismo no futuro.

QUAL VEREADOR ELEITO DE PAÇO VOCÊ VAI REELEGER? Qual sua sugestão para substituí-los caso não vote nestes?

Domingo tem superclássico! - Sampaio x Moto‏


Governador Flávio Dino estará dia 27 no Maiobão em Paço do Lumiar


O nosso governador Flávio Dino estará no Maiobão, no Dia 27 deste mês. Local: Av: 13 próximo ao Caic, as 16:00hrs, compareçam.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

‘Travessia’ inova no transporte porta a porta de cadeirantes do país

Veículos adaptados para cadeirantes, que buscam os usuários em casa e levam-nos a consultas, ao shopping, ao cinema, à praia e de forma gratuita. A partir da próxima quinta-feira, dia 18, essa será uma realidade para quem depende da cadeira de rodas e mora em um dos quatro municípios da região metropolitana de São Luís. Na data, o Governo do Maranhão, por meio da Agência Estadual de Transporte e Mobilidade Urbana (MOB), lança o inovador Travessia, Transporte Especial Gratuito para a Pessoa com Deficiência, Usuária de Cadeira de Rodas.
O projeto vai funcionar por meio de agendamentos e garantirá o transporte para o cadeirante e um acompanhante. De acordo com o coordenador do Travessia e assessor técnico da MOB, Rafael Ribeiro, iniciativas como essa já existem em outras duas capitais brasileiras – São Paulo e Vitória -, mas o projeto maranhense traz importantes inovações.
“Nas outras cidades, esse serviço é restrito ao transporte para consultas, fisioterapia e serviços hospitalares e, há ainda, em São Paulo, a necessidade de remuneração. No Maranhão, o serviço Travessia inova interligando municípios. O serviço é completamente gratuito, busca em casa ou então o mais próximo possível do endereço em que o usuário está, para aqueles casos em que não há acesso do veículo e, além disso, vai funcionar aos finais de semana e levar o usuário para onde ele quiser”, informou o coordenador.
Subsidiado pelo Governo do Estado, o serviço recebeu investimentos de R$ 3 milhões e é parte das iniciativas que promovem a inclusão social e cidadania, além da gestão pública de serviços essenciais, como informou o presidente da MOB, Artur Cabral.
“Será um grande marco para a inclusão em nosso estado e é mais um dos resultados da atuação do Estado onde nunca houve, se fazendo presente e defendendo o interesse da população”, declarou Cabral.
O serviço
Com capacidade de atendimento para até 1000 passagens/mês, o Travessia será executado em quatro veículos do tipo VAN, adaptadas, climatizadas e com capacidade para levar até três cadeirantes e seus acompanhantes, além de espaço para os pertences dos passageiros. As viagens serão realizadas de 8h da manhã às 20h mediante agendamento prévio, com no mínimo 48 horas de antecedência, por meio da Central DISQUE-TRAVESSIA. O cadeirante terá o destino à sua escolha, ficando submetido apenas à roteirização da frota, trabalho que será feito por meio de software para melhor aproveitamento do serviço.

Procon/MA em São José de Ribamar realiza atividades informativas no Parque Jair

O Procon/MA começou a semana pós carnaval a todo vapor. A equipe do órgão em parceria com a Secretaria de Estado da Mulher (SEMU) iniciou, nesta segunda-feira (15), atividades em São José de Ribamar com o objetivo de aproximar a comunidade, deixando a população informada quanto aos direitos do consumidor. A ação conta com a carreta da SEMU e acontece na Rua Rita Ferreira, no campo do Parque Jair, das 8h às 17h e terá continuidade na terça-feira (16). 
Entre as atividades realizadas pela equipe estão a divulgação das ações do Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON-MA), informações sobre direitos e deveres nas relações de consumo e a entrega de panfleto com orientação sobre o uso do aplicativo, ferramenta que agiliza e facilita o atendimento, onde o consumidor pode formalizar uma denúncia, a qualquer momento, sem a necessidade de se deslocar até uma das unidades do órgão. 
De acordo com coordenadora do Procon/MA em São José de Ribamar, Keila Moura, algumas pessoas ainda desconhecem o papel do órgão e ações como esta são de grande importância para o consumidor, que passa a conhecer as atribuições do Instituto. “Explicamos qual a finalidade do órgão, mencionando que o consumidor possui direitos e que o Procon Maranhão atua nesse sentido. Se na relação de consumo existe alguma irregularidade por parte do fornecedor, o consumidor deve nos procurar e formalizar a reclamação”, pontuou. 
O presidente do Procon, Duarte Júnior, pontuou que a informação aos consumidores e fornecedores é um dos pilares do órgão. “O cidadão precisa conhecer seus direitos para não sofrer abusos e saber a quem recorrer quando se sentir lesado na compra de um produto ou aquisição de um serviço. Nossa atuação é baseada em três pilares: fiscalização, orientação aos consumidores e capacitação aos fornecedores”, destacou. 
Como fazer a denúncia 
Para o consumidor formalizar uma denúncia basta apresentar cópias da identidade, CPF, comprovante de residência e documentos pertinentes à reclamação. Outra possibilidade é denunciar pelas redes sociais (instagram: @proconmaranhao, twitter: @proconmaranhaoe facebook: Procon Maranhão), por meio do aplicativo do PROCON-MA, disponível nas plataformas Android e IOS ou pelo site www.procon.ma.gov.br.
A unidade do Procon Maranhão em São José de Ribamar localiza-se na Central de Cidadania, na Av. Clodomir Cardoso, nº1190, Centro, e o atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Ex-vereador Fernando Muniz assume presidência do PP em Paço do Lumiar.


O ex-vereador e ex - secretário de Cultura Esporte e Lazer, Fernando Antonio Braga Muniz, é o novo presidente municipal do PP - Partido Progressista em Paço do Lumiar.

Fernando Muniz como é mais conhecido, disputou a reeleição em 2012 pelo PR, e obteve 722 votos na coligação "Um Novo Paço Para Todos 1" e ficou como primeiro suplente da coligação, qual era composta pelos partidos PP / PTB / PSL / PR.

É a primeira vez, que Fernando Muniz assumi a presidência da legenda no município, o convite foi feito pelo presidente estadual da agremiação o Deputado Federal Waldir Maranhão.

A comissão provisória tem Fernando Muniz como presidente, Jacyara Lemos Amorim como secretária geral, o líder comunitário Zé Grandão como tesoureiro geral e Joyce Sales como líder da juventude .

O partido deve reforçar a pré-candidatura de reeleição da prefeito Josemar Sobreiro (PSDB) e do seu vice-prefeito Marconi Lopes (PDT).


MUNICIPAL - PAÇO DO LUMIAR / MA
PARTIDO PROGRESSISTA - 11
Comissão Provisória
Dados da Composição
Início da vigência:25/01/2016Fim da vigência:25/07/2016
CNPJ:

Vigente
Data da Constituição:Anotado
Nº do Protocolo:13962016Data do Protocolo:25/01/2016Data da decisão/despacho:25/01/2016
Endereço:
Logradouro:RUA 22, QD, 06, Nº 12Complemento:
Bairro:MAIOBÃO
CEP:65.137-000
Telefones:(98)8817-9482Celular:
Fax:
E-mail:veriadorfernandomuniz@yahoo.com.brMunícipio:PAÇO DO LUMIAR
Site:
Informações
Certidão da Composição
Membros ativos
Membros
NomeCargoResp. Adm.Resp. Fin.InícioFimSituação
JOSE AUGUSTO VIEIRATESOUREIRO - GERAL (MEMBRO)
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
FERNANDO ANTONIO BRAGA MUNIZPRESIDENTE - (MEMBRO)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
JACYARA LEMOS AMORIMSECRETÁRIO GERAL - (MEMBRO)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
JOSÉ PAULINO DE SOUSA NETOVOGAL - (REPRESENTANTE NA CÂMARA)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
JOYCE SALES SOUSAVOGAL - (REPRESENTANTE PP JOVEM)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
KARLIZÂNGELA MALHEIROS PEREIRAVOGAL - (REPRESENTANTE PP MULHER)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
RAIMUNDO CARLOS CRUZ SILVA1º - SECRETÁRIO - (MEMBRO)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
SERGIO ROBERTO MELO MOTA1º - SUPLENTE - (MEMBRO)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
ROSYARA SILVA CORREA MUNIZ2º - SUPLENTE - (MEMBRO)
-
-
25/01/201625/07/2016ATIVO
Quantidade de Membros: 9

Governador Flávio Dino anuncia centro especializado para casos de microcefalia

Neste sábado, o Governador Flávio Dino, o Ministro Chefe da Casa Civil, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior e demais autoridades, lançaram em São Luís a campanha nacional de enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti. Na ocasião, o governador Flávio Dino anunciou a inauguração de um centro especializado para cuidar de mães e crianças diagnosticadas com microcefalia. O Centro funcionará no Hospital Benedito Leite, em São Luís.
Como parte das ações de enfrentamento, o governador Flávio Dino também determinou a criação do comitê Interinstitucional de combate ao mosquito e da Sala de situação, além de instituir medida provisória determinando ações imediatas de combate ao Aedes aegypti.
Jacques Wagner, o Ministro Chefe da Casa Civil, presente no evento, destacou em seu discurso a mobilização organizada pelo Governo Federal para combater a ação contra o mosquito e todas as suas consequências, e fez um apelo para que todos se mobilizem em casa evitando juntar água parada, reduzindo, assim, a proliferação do mosquito. “Peço a todos que deem a sua contribuição permanente no combate ao mosquito para que possamos garantir a saúde das próximas gerações “, disse o ministro.
A ação, realizada nos Bairros do São Francisco e Ilhinha em São Luís – escolhidas por serem de alto risco de infestação do mosquito, de acordo com o Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRA) – mobiliza 850 militares das Forças Armadas (Exército, Marinha  e Aeronáutica) em conjunto com as Secretarias Estadual e Municipal de Saúde de São Luís, a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos; Defesa Civil; Corpo de Bombeiros Militar e instituições que integram o Comitê Interinstitucional de combate ao mosquito no Maranhão.As ações conjuntas dos poderes públicos deverão visitar oito mil imóveis.
A Secretaria de Estado da Saúde lançou o Plano Emergencial de Enfrentamento da Dengue, Chikungunya e ZikaVírus, que tem como objetivo a conjugação de esforços para a intensificação do controle vetorial nos 217 municípios, à exemplo do eixo da capacitação permanente, iniciando pela integração e articulação das atividades de campo pelos 15.800 Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e dos 2.313 Agentes de Combate a Endemias (ACE) no Maranhão.

Governo do Estado entra como parceiro na construção da maternidade de Paço do Lumiar‏

A secretária da Saúde de Paço do Lumiar, Aila Freitas, se reuniu nesta sexta-feira (12) com o o titular da Pasta estadual, Marcos Pacheco, para definir uma agenda para  a construção da primeira maternidade do município. Uma segunda reunião será realizada na próxima semana, no Maiobão, para debate técnico do projeto.
As obras de reforma devem começar onde funcionava a Unidade Mista de Saúde, no Maiobão. “Temos de iniciar a obra para atender uma demanda da comunidade inteira”, disse a secretária, após a reunião com Pacheco.
O secretário estadual explicou “que o Estado pretende municipalizar a futura maternidade, como parte do processo de descentralização administrativa da rede de saúde”.
“Paço do Lumiar entende melhor a necessidade da comunidade e nós entraremos como apoiadores desse projeto”, finalizou Pacheco.
Líderes de associações femininas também participaram da reunião, na sede da Secretaria Estadual da Saúde, no Calhau. Todas saíram do encontro bastante otimistas. 
Segundo Rosinélia Ribeiro, representante da Associação de Mulheres de Paço do Lumiar, a maternidade é um sonho que está prestes a se concretizar:
“Nós, mulheres, merecemos esse atendimento. Já chega de mulher luminense ficar sem assistência em um momento tão importante para sua família, como é a hora do parto, disse Rosinélia.