domingo, 7 de fevereiro de 2016

Duarte Júnior no comando do PROCON/MA e do Viva Cidadão

O Governador Flávio Dino nomeou Duarte Júnior, atual Presidente do PROCON/MA, como novo diretor do Viva Cidadão. A nomeação aconteceu, na tarde desta sexta-feira (05), durante a visita do gestor ao Viva Cidadão de Coroatá e ao município de Codó, que inaugura uma nova etapa na gestão dos dois órgãos. Na ocasião, acompanhado pelo secretário de governo, Felipe Camarão, fiscalizou bancos e buscou locais para levar os serviços do Viva aos codoenses e instalações definitivas do órgão em Coroatá.

O trabalho de eficiência em gestão pública feito por Duarte Júnior na presidência do PROCON/MA foi o principal motor da nomeação. O presidente cumulará a gestão dos dois órgãos, com o objetivo de levar para o Viva Cidadão a mesma qualidade do atendimento alcançada no Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor. 

Em 2015, junto com sua equipe e apoio do governador alcançou vitórias significativas para os consumidores, como a expansão do órgão para mais municípios (alcançando 20 unidades em todo o estado), a redução do preço da gasolina, a implantação de internet gratuita nos terminais de integração e no terminal rodoviário de São Luís e a realização de inúmeras campanhas de conscientização do consumidor sobre seus direitos. 

Em reconhecimento pelo trabalho feito à frente do PROCON/MA, Duarte Júnior, natural do Rio de Janeiro, chegou a receber os títulos de Cidadão Maranhense e Cidadão Ludovicense. O reconhecimento ultrapassou o Maranhão, ao ponto de ser nomeado diretor da região Nordeste da Associação Brasileira de PROCONS para a gestão 2015-2017. 

Duarte Júnior é especialista em Direito do Consumidor e mestrando em Políticas Públicas pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Professor e coordenador da Pós-Graduação em Direito do Consumidor da Universidade CEUMA, leciona as disciplinas de Direito Civil, Direito do Consumidor, Direitos Humanos, Constitucional e Ética Profissional. É também autor de obras jurídicas, conferencista e pós-graduado em Direito Processual Civil e Direito do Consumidor pela PE Universidade Uniderp/MS.

Sem comentários:

Enviar um comentário