sábado, 20 de junho de 2015

Deputado Wellington preside audiência e defende direitos dos aprovados no concurso do TJ‏

A Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa realizou, na manhã desta sexta-feira (19), em atendimento ao requerimento do deputado Wellington do Curso (PPS), uma audiência pública que discutiu sobre os direitos dos aprovados no último concurso do Tribunal de Justiça, realizado em 2011.

Presidida pelo deputado Wellington, que é vice-presidente da Comissão, a audiência contou com a presença da representante da Procuradoria Geral do Estado, Cláudia Gonçalves; do presidente do Sindjus, Aníbal Lins; dos coordenadores do movimento “Nomeação Já”, Gilsana e Laercio; da advogada dos aprovados, Aline Moraes, entre outros representantes da categoria.

A coordenadora do movimento “Nomeação Já”, Gilsana Penha, discorreu sobre os desafios enfrentados pelos aprovados no concurso, que desde 2011 esperam para serem, sequer, ouvidos. Gilsana afirmou, ainda, que os aprovados não estão pedindo emprego, mas cobrando aquilo que lhe é de direito: a nomeação.

O presidente do Sindjus, Aníbal Lins, exaltou o empenho e atuação do deputado Wellington do Curso em defesa das minorias e das diversas classes que vem representando, além de dizer, também, que cobrará do Poder Judiciário soluções para o caso e o Sindicato estará à disposição dos aprovados.

Para a advogada dos aprovados, Aline Moraes, ainda existem muitas irregularidades no concurso que precisam ser apuradas.

Na oportunidade, o deputado Wellington relembrou a Indicação nº 048, de sua autoria, que solicita à desembargadora Cleonice Freire, Presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, que adote providências no sentido de convocar os aprovados do último concurso do Poder Judiciário, promovido em 2011.

“Recebemos o Ofício número 208/2015, em resposta ao Ofício nº 043 desta Casa, encaminhando a nossa Indicação ao presidente do TJ. A discussão travada no presente feito, ganha maior relevo ao se observar, ainda, a realidade sócio-econômica estadual, sendo o acesso ao cargo público uma das fontes de democratização ao acesso e consolidação de rendas locais como condição para proporcionar maior dignidade e bem-estar àqueles que se submetem e logram a aprovação nesse tipo de certame. Prezando o compromisso com a qualidade de prestação dos serviços públicos, coloco-me à disposição da Direção do Tribunal de Justiça do Maranhão e da Comissão de Concursados para servir como um dos interlocutores desta Casa Legislativa para o debate das alternativas e soluções para viabilizar a convocação de todos os candidatos aprovados no certame”, enfatizou.

Dentre os encaminhamentos levantados ao final da Audiência, ficou acertado um possível acordo com o TJ, através de uma outra audiência, com a participação do Sindicato, da Comissão dos Aprovados e com deputados e representantes da Assembleia. Foram solicitados, também, uma cópia do dossiê encaminhado pelo Sindjus ao CNJ, o recolhimento de todos os documentos e assinaturas para que sejam protocolados no CNJ e o posicionamento do Governo do Estado, além da oficialização de denúncia ao Ministério Público e a realização de uma Reunião Geral para o dia 4 de julho, na qual será feita a preparação para uma ação judicial coletiva antes do término final do prazo do concurso. Os aprovados solicitaram, ainda, dados ao CNJ e requisitaram a prestação de contas ao TCE sobre os gastos com pessoas do TJ.

Secretaria de Educação promove 3º Encontro de Merendeiros Escolares

A Secretaria Municipal de Educação, por meio da Divisão de Alimentação Escolar realizou durante toda a sexta-feira (19), o 3º Encontro de Merendeiros, na UEB Poeta Gonçalves Dias, no Maiobão. Com o tema, “Alimentação Escolar como Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional”, a formação reuniu 30 merendeiros aprovados no último concurso público da Prefeitura de Paço do Lumiar, gestores escolares e técnicos da Semed.
A nutricionista Rosário Soares, explicou que a formação é um processo de fundamental para os merendeiros, pois os orienta sobre etapas importantes que vão desde a escolha do cardápio. A programação do curso foi dividida em etapas teóricas e práticas, com a utilização do refeitório para a preparação do cardápio escolar e degustação.
Os merendeiros receberam, ainda, de nutricionistas e psicopedagogos, orientações sobre boas práticas e manipulação de alimentos, benefícios nutricionais da carne de soja na alimentação escolar, armazenamento correto na prevenção da contaminação, qualidade no atendimento do público escolar e programas PNAE e PAA de promoção da alimentação saudável.
Para a merendeira, Vera Lúcia Cândido, 25, da UEB Y Juca Pirama, no Araçagi, o curso foi muito proveitoso, pois pode receber informações sobre a carne de soja, alimento presente no cardápio da escola onde trabalha. “Aprendi uma variedade de pratos derivados da soja e seus benefícios, a forma correta de manipular verduras, prevenção de desperdícios, valores nutricionais, e o mais importante, fazer a merenda escolar com prazer para os alunos”, comentou.
De acordo com a secretária de Educação, Graça Privado, “a Semed vem realizando vários encontros com os merendeiros escolares, uma vez que trabalhar com a alimentação é um ato de responsabilidade, segurança alimentar e nutricional das nossas crianças e adolescentes”.

SECRETARIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS PARA MULHERES DE PAÇO DO LUMIAR - SEMUP COMPLETA 2 ANOS DE TRABALHO E DEDICAÇÃO ÀS LUMINENSES.


Desde sua criação em Junho de 2013, a Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres de Paço do Lumiar - SEMUP desenvolve diuturnamente atividades voltadas às políticas de gênero para as luminenses.  


A Secretária Carla Sousa e sua equipe vêm, no decorrer desse tempo, elevando a autoestima e proporcionando qualificação às mulheres de Paço do Lumiar, através de parcerias com instituições educacionais. 


Além dessas atividades, desenvolvem um trabalho de prevenção (palestras) contra violência e prestam atendimento voltado às mulheres vítimas da mesma."Obrigada a todas as mulheres que presenciaram nosso arraial. 


Essa festa sela mais um ano de luta por nosso espaço, não só como mulher, mas como pessoa capaz de transformar seu espaço social. "- Secretária Municipal de Políticas para Mulheres, Sra. Carla Sousa (PSB).

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Prefeito Edivaldo recebe honraria da ONU por políticas públicas de segurança alimentar

O prefeito Edivaldo recebeu nesta quarta-feira (17), em solenidade realizada no Palácio dos Leões, placa da Organização das Nações Unidas (ONU), por meio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), em reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo Município na área de segurança alimentar. A distinção da ONU faz referência ao esforço empenhado pela Prefeitura de São Luís na promoção de ações de combate à fome e à pobreza extrema na capital maranhense.

Edivaldo destacou o reconhecimento da ONU como um estímulo a continuar trabalhando com afinco na execução de projetos que promovam a melhoria da qualidade de vida dos ludovicenses. "A honraria nos deixa muito felizes. É sinal de que estamos no caminho certo. Temos um Plano Municipal concreto de ações na área da segurança alimentar, o que nos fez avançar muito nesse setor que requer tanta atenção do poder público", disse Edivaldo.

A entrega da placa foi realizada pelo coordenador do Sistema das Nações Unidas no Brasil, Jorge Chediek, e pelo secretário geral da Presidência da República, Wagner Caetano, em ato no qual o Governo do Maranhão também foi homenageado pela ONU, em menção ao conjunto de ações elaboradas pelo governador Flávio Dino com vistas à elevação do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos municípios maranhenses com menores indicadores sociais.

"O reconhecimento da ONU tanto em relação às ações do governo do Estado como da Prefeitura de São Luís é a reafirmação de que o nosso modelo de gestão das politicas públicas é o mais adequado possível porque tem como premissa levar serviços públicos mais eficazes e qualidade de vida à população", disse o governador Flávio Dino.

O coordenador da ONU no Brasil, Jorge Chediek, informou que as Nações Unidas reconhecem os governos em nível nacional e internacional, que adotam modelos de gestão que contribuem para a melhoria dos indicadores sociais e desenvolvimento humano, nas suas mais variadas vertentes.

"O comprometimento da Prefeitura de São Luís em desenvolver essa importante missão de elevar os indicadores sociais no Município recebe o reconhecimento formal da ONU, tanto quanto a parte filosófica de suas políticas sociais como também com os instrumentos técnicos utilizados para o alcance desses dos objetivos. Reconhecemos o prefeito Edivaldo e governador Flávio Dino como gestores comprometidos para a construção de um mundo melhor e mais digno", disse o representante da ONU, Jorge Chediek.

O prefeito Edivaldo pontuou ainda alguns projetos em execução no Município relativos à segurança alimentar, com destaque para o aparelhamento da Cozinha Comunitária da Vila Cascavel, equipamento social da Prefeitura de São Luís, que atende mais de três mil pessoas por mês, com alimentação saudável e balanceada. Edivaldo elencou ainda o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), que adquirem alimentos hortifrutigranjeiros e extrativistas oriundos da agricultura familiar da capital.

Os produtos são comprados de pequenas hortas das regiões do Cinturão Verde, Matinha e Tajipuru, produzidos por cerca de 300 pequenos produtores e distribuídos em equipamentos sociais mantidos ou apoiados pela Prefeitura. "São programas que geram renda aos agricultores familiares, aquecem a economia na zona rural e proporcionam qualidade da alimentação das populações de maior vulnerabilidade social", frisou Edivaldo.

Outros projetos desenvolvidos pelo Município e que tiveram sua execução reconhecida pela ONU foram o Programa Leite na Escola, o NutriSUS e o Programa de Capacitações e Avaliações Nutricionais, oferecido pela Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), em parceria com a Assistência Social (Semcas), Agricultura e Pesca (Semapa), Saúde (Semus) e Educação (Semed).

Presente à solenidade de entrega da placa, a secretária municipal de Segurança Alimentar, Fátima Ribeiro, ressaltou a relevância da homenagem prestada pela ONU. "Para nós, vale como um incentivo para continuarmos avançando nas políticas públicas de segurança alimentar e nas demais ações que compõem os oito Objetivos do Milênio (ODM), assim como projetos e ações interligadas a esta área", disse a secretária.

Participaram também da solenidade secretários estaduais e municipais, entre outras autoridades políticas e representantes de órgãos públicos relacionados à causa social.

Othelino diz que “chegou ao fim a sabotagem contra São Luís”

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) destacou, na sessão desta quarta-feira (17), a realização dos festejos juninos em São Luís, de forma unificada em uma parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura, e a ação de recuperação asfáltica em vários pontos da cidade. “Isso é o fim da sabotagem à capital maranhense. O governador Flávio Dino é visto, constantemente, saindo da Prefeitura e caminhando até o Palácio dos Leões ou vice-versa”, registrou o parlamentar.


Segundo Othelino Neto, a Prefeitura de São Luís passou muitos anos sendo sabotada de forma vil e politiqueira, “simplesmente porque o prefeito Edivaldo Júnior não aceitou curvar-se ao mandonismo do grupo que governava ou desgovernava o Maranhão até o final do ano passado”. Para o deputado, é de suma importância para a capital esse trabalho conjunto entre governo e município.

O deputado ressaltou, durante o pronunciamento, que quem ganha com essa parceria é a população. “Os beneficiados com essas obras serão os mais de um milhão de habitantes de São Luís que precisam da Prefeitura, do governo do Estado e do governo federal trabalhando juntos por esta cidade”, reforçou.

Othelino disse que, desta vez, o Maranhão tem um governador, de 1º de janeiro para cá, que de fato está preocupado com São Luís. Segundo relatou o deputado, antes uma cidade de dez mil habitantes recebia milhões do governo do Estado, mas a Prefeitura da capital não poderia ter o mesmo. “Qual o pecado do prefeito Edivaldo Holanda Júnior? Não foi lá baixar a cabeça para a política do então governo. Então, realmente é um novo momento que o Estado vive hoje”, frisou.

Anos difíceis

Em aparte, o deputado estadual Edivaldo Holanda (PTC) referendou o pronunciamento de Othelino e reiterou que o prefeito da capital passou dois anos difíceis, sendo discriminado pelo governo Roseana Sarney, e que hoje está em um novo momento. “A alegria, a expectativa quanto à eleição do governador Flávio Dino, em São Luís, deu-se porque a cidade sabia que ele iria estender a mão a essa capital e ao prefeito jovem, que tanto foi discriminado. Então, o povo festeja hoje esse apoio, essa parceria entre governo do Estado e da Prefeitura de São Luís”, afirmou.

Othelino destacou ainda que, não só as obras de pavimentação, mas as intervenções de mobilidade urbana, as avenidas interbairros que vão facilitar e diminuir o problema dos congestionamentos, as parcerias que se estendem à rede pública de saúde fazem a capital viver um novo momento. “O ex-senador Sarney, num artigo, afirmou que São Luís entrou no mês de junho mais triste. Eu vejo diferente. Acho que a cidade vive um momento ainda com muitos problemas, mas começam a surgir parcerias de forma articulada com o governo para que a população possa ter mais intervenções do poder público”, comentou.

Sobre o os artigos de José Sarney, Othelino disse que o ex-senador não conseguiu entender que a porta de saída foi aberta e permanece numa postura que, na verdade, conspira contra a própria militância política dele de mais de 50 anos. “Mas, até para não atentar contra a sua longa e importante carreira política, ele deveria ter compreendido o recado das urnas, da sociedade, ir para casa, virar um observador da política, participar como um cidadão e não como um político rancoroso que perdeu o mando e agora fica distribuindo palavras cheias de ódio no seu jornal”, afirmou.

Rubens quer integrar Leste Maranhense

O vice-líder do PCdoB na Câmara dos Deputados, Rubens Pereira Jr (MA), apresentou projeto esta semana que inclui diversos municípios do Leste Maranhense na Região Integrada de Desenvolvimento da Grande Teresina. O projeto foi protocolado esta semana pelo deputado com o número 108/2015, com o qual terá tramitação pelo Congresso Nacional.

A região já existe, por lei federal, e o projeto de Rubens visa que a ela sejam integrados os municípios maranhenses de Caxias, Matões, Parnarama e Timon.

“O objetivo é articular e harmonizar ações administrativas da União e dos governos dos dois estados na região”, afirmou Rubens Jr. Na avaliação do deputado, a proposta vai permitir uma articulação de políticas públicas condizentes aos municípios – tanto em ações estaduais quanto federais.

Em mais uma audiência, deputado Wellington do Curso discute direitos dos professores excedentes

Em atendimento ao requerimento feito pelo deputado Wellington do Curso (PPS), a Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Maranhão realizou, na tarde desta quarta-feira (17), a II Audiência Pública em defesa dos direitos dos professores excedentes do concurso realizado em 2009.

Como vice-presidente da Comissão, Wellington, que também é educador,  tomou para si a causa dos professores e está lutando incansavelmente em favor da nomeação dos excedentes, que desde 2009 lutam pelos seus direitos e até hoje não conseguiram acordo.

Participaram da audiência o deputado estadual Vinícius Louro (PR), que se solidarizou e se colocou à disposição em somar esforços na defesa da luta pelos direitos da classe; o representante da Secretaria de Estado da Educação, João Moraes; a Promotora de Educação, Maria Luciane Belo; o presidente do Simproesema, Júlio Pinheiro; a líder da Comissão dos professores excedentes, Nívea Froz, entre outros representantes da categoria.

O presidente do Simproesema, Júlio Pinheiro, falou sobre o possível acordo nos altos na perspectiva da nomeação, sugerido pelo sindicato com o Governo que, segundo ele, afirmou estar realizando a ação pela justiça e aguardando a celeridade do concurso, além de afirmar que só será realizado outro concurso, após a nomeação de todos os excedentes.

Segundo a promotora de Educação, o Ministério Público está sensível à causa e à disposição para ouvir os questionamentos e buscar resolver a todas as demandas.

Durante suas considerações, Wellington enfatizou que sempre estará em defesa da Educação que, segundo ele, é a base para a construção da sociedade, e não  medirá esforços para defender os direitos dos excedentes. Na oportunidade destacou, também, que é da base do Governo, mas que não se calará no tocante à defesa dos direitos humanos.

Ao final da audiência, ficou acertado que serão consolidados dados e informações da Secretaria de Estado da Educação, da Secretaria de Gestão e Previdência e da Procuradoria para se fazer acordo com o Sindicato dos Professores e, consequentemente, apresentar propostas ao governo do Estado.

quarta-feira, 17 de junho de 2015

UEMA discute educação a distância durante Encontro de Diretores de Centro e Coordenadores de Polo UAB

Nos dias 17 e 18 de junho, a Universidade Estadual do Maranhão, por meio do Núcleo de Tecnologias para Educação – UEMANET, realizará o Encontro de Diretores de Centro e Coordenadores de Polo UAB. O evento tem como objetivo articular ações administrativas e pedagógicas, desenvolvidas na dinâmica do trabalho dos Polos/UAB e Centros da UEMA, tendo em vista a melhoria da qualidade dos cursos intermediados pelo UEMANET.

“O Encontro se constitui numa oportunidade de juntos trabalharmos com o objetivo de ampliar inter-relações necessárias para o fortalecimento da EaD e melhoria da qualidade dos cursos nessa modalidade”, explicou a Coordenadora Geral do UEMANET, Profa.Dra.Ilka Serra.

Na programação vários assuntos relacionados ao tema serão discutidos. Entre eles estão: a importância da EaD no contexto nacional; gestão do UEMANET; gestão de polos; acompanhamento de cursos; inovação na gestão de polos; desafios na operacionalização dos cursos EaD nos polos UAB; Docência em Estudos sobre EaD; PREZI e Serviços Google e muito mais.

A abertura acontecerá às 17h, do dia 17.06, com a presença do Reitor da UEMA, Prof.Dr.Gustavo Pereira, e demais autoridades da Instituição.

Na oportunidade, o reitor falará sobre A EaD na nova Gestão da UEMA, além disso ele lançará a sétima edição da Revista PoloUm (publicação que trata sobre educação a distância) e o quarto curso aberto da Instituição, que dessa vez trata sobre Dificuldades de Aprendizagem.


Veja a programação completa no site www.uemanet.uema.br

Deputado Wellington do Curso apresenta Projeto de Lei em defesa dos Idosos‏

“É nossa obrigação cuidar daqueles que cuidaram da gente”. Foi com esta citação que o vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e das Minorias da Assembleia Legislativa, deputado Wellington do Curso (PPS), destacou a importância de projetos em defesa dos idosos do Maranhão, defendido por ele durante pronunciamento na tribuna, na tarde desta segunda-feira (15). 
Aproveitando o Dia Mundial de Combate à Violência contra o Idoso, comemorado hoje, o parlamentar apresentou proposição que solicita a instalação de delegacias de Polícia de Proteção ao Idoso em todos os municípios com mais de 100 mil habitantes, além de apresentar anteprojeto de Lei que institui o “SOS maus tratos contra idosos", sendo um serviço de recepção de denúncias ou suspeitas de maus-tratos aos idosos. 
“De acordo com os dados da Defensoria Pública do Estado e da Delegacia de Proteção ao Idoso, o Maranhão registrou, nos últimos anos, 3.500 casos de violência contra idoso, sendo que aproximadamente 45% dos casos são cometidos pelos próprios familiares, ficando filhos em primeiro lugar. Mais do que meras proposições, estamos em defesa do respeito e da elevada dedicação que devem ser sempre direcionados às cidadãs e aos cidadãos, não representando  nada além do que o mínimo empenho de gratidão por tudo o que foi por eles antes realizado em prol das novas gerações. É nossa obrigação, enquanto ser humano, cuidar daqueles que cuidaram da gente. Portanto, respeitá-los é dever e honrá-los é obrigação moral hoje e sempre”, declarou Wellington.

Flávio Dino prestigia abertura de encontro de chefes de inteligência em Segurança Pública do Nordeste

O governador Flávio Dino prestigiou na manhã desta terça-feira (16), no Hotel Brisa Mar, na Praia da Ponta da Areia, a abertura do Encontro dos Chefes de Organismos de Inteligência da Região Nordeste (Enchoi). Organizado pela Coordenação-Geral de Inteligência (CGI), seguindo as diretrizes da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), o encontro tem o objetivo de buscar a integração para a criação e aplicação de mecanismos que promovam a padronização das ações de inteligência no combate ao crime organizado. 

“Este evento é de suma importância para as ações administrativas que estamos desenvolvendo na Segurança Pública no Maranhão. É salutar que possamos trabalhar de forma integrada e sistemática, pois somente assim conseguiremos o declínio das estatísticas criminais”, afirmou o governador Flávio Dino.

O secretário de Estado de Segurança Pública, delegado Jefferson Portela, também destacou a importância do evento para o Estado. “Para o Maranhão este encontro tem grande relevância, pois permite a integração, na área de Inteligência, entre todas as secretarias de segurança da Região Nordeste”.

Para o secretário, as ações do Serviço de Inteligência reforçam o enfrentamento direto e pontual à criminalidade. “Atualmente existem assaltantes de banco envolvidos com tráfico de drogas, mas que atuam no ramo hoteleiro, por exemplo, como foi recentemente detectado. Isso evidencia que a ‘engenharia do crime’ vem fortalecendo a capitação de recursos e diversificando sua base de atuação, tudo isso por meio de organizações criminosas, por isso necessitamos de uma inteligência integrada e atuante”, explicou.

Após a abertura oficial do evento, os técnicos da Senasp reuniram-se com representantes de todos os estados para repassar instruções sobre nivelamento de conhecimento e apresentar os novos meios de tecnologia que devem ser empregados nos serviços de inteligência, que produzem conhecimento e alimentam a operação policial.

Todos os chefes das Inteligências de Segurança Pública dos Estados do Nordeste permanecem reunidos em São Luís até esta quarta-feira (17).

Usuários do CAPS visitam o Parque Botânico da Vale

Pacientes do Centro de Atenção Psicossocial de Paço do Lumiar (CAPS) visitaram no último sábado (13), o Parque Botânico da Vale, como parte da programação do Grupo de Atividades Externas (GAE), objetivando o desenvolvimento da autonomia pessoal, iniciativa, pragmatismo, incentivo à curiosidade e descontração, e outros fatores.
O passeio reuniu 24 usuários que participaram de oficinas de trabalhos manuais de reciclagem, com a confecção de porta-objetos e cortes de tecido. Em seguida, fizeram grandes descobertas nas trilhas ecológicas associando os sentidos: olfato, audição, paladar, visão à fauna e flora.
Na programação externa, os usuários apresentaram um número de canto e coral, e registraram todos os momentos através de fotografias que comporão uma exposição e videoclipe. “Aproveitamos o passeio para desenvolver o trabalho do projeto oficina LETRA, onde trabalhamos associações entre tempo, espaço, ritmo, melodia e imagens através do estudo dos conteúdos de letras de músicas”, contou o coordenador do CAPS”, Marcelo Melo.

Uma Reforma Política no Maranhão/ Artigo do vice-líder do PCdoB na Câmara dos Deputados, Rubens Jr (MA), publicado originalmente no Jornal Pequeno

O Congresso vem, infelizmente, falhando em sua missão de realizar uma reforma política que represente o desejo de milhões de brasileiros que foram às ruas em 2013, sedentos por mais democracia. Foram prometidas a eles mudanças que aumentassem o poder de decisão da população, inovando em formas de participação que façam com que a democracia brasileira dê um passo à frente, superando a saturação que vive após 30 anos de retomada.

Poderíamos ter criado formas de ampliar participação, com o recall de candidatos, fazendo uma espécie de plebiscito ao meio do mandato. Também almejávamos, no PCdoB, aumentar o poder de participação do cidadão, frente ao poder das empresas que pagam campanhas eleitorais. O que vimos até agora foi o contrário. A contrarreforma aprovada pelo Congresso constitucionalizou o financiamento privado de campanha, que estava por ser proibido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). É uma medida que afronta o princípio básico da democracia de que cada homem vale um voto. Com o financiamento privado, cada empresa vale milhares de votos pois os candidatos apoiados por ela têm mais chances.

Contra essa medida, eu e um grupo de parlamentares demos entrada com mandado de segurança no STF. Lá estive esta semana que passou para explanar minha posição à ministra relatora do caso, Rosa Weber.

Se o Congresso não cumpriu sua missão de criar condições para uma eleição com menor peso econômico em nível nacional, no Maranhão caminhamos para ter as eleições mais baratas da história de nosso estado. Graças a ações do governo do Maranhão.

Por um lado, não haverá agiotas agindo nas eleições de 2016. Pelo simples fato de que a Polícia Civil de nosso estado está detendo os suspeitos de envolvimento com essa atividade criminosa, que mina o sistema político local. Prisões realizadas por determinação do governador Flávio Dino, que, pela primeira vez, deu livre aval para que a Polícia Civil atue de forma firme.

Além disso, também por determinação do governador, não haverá convênios para uso eleitorais. Aqueles que ficaram tão conhecidos dos maranhenses e contra os quais atuei tanto, como líder da oposição. Convênios de papel, apenas para repasse de recursos para aliados, sem que chegassem a ser convertidos em ganhos para a população. Esse mecanismo de corrupção eleitoral terá o mesmo fim que diversas outras anomalias da oligarquia: apenas a memória vigilante da história, para que nunca mais se repitam.

Portanto, na prática, o pulso firme do governador Flávio Dino está garantindo uma verdadeira Reforma Política no Maranhão. Em que o desejo de cada um dos eleitores terá peso nunca visto. Convido todos a participar desse processo inédito na história maranhense. Avante!

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Bolsas de estudo para 2015 estão disponíveis em Paço do Lumiar

Estão abertas as inscrições para o Educa Mais Brasil, programa de inclusão educacional que disponibiliza bolsas de estudos de até 70% para estudantes que não têm condições de pagar o valor integral da mensalidade em instituições de ensino particulares. No Maranhão estão sendo ofertadas mais de 24.700 mil vagas para o segundo semestre de 2015, distribuídas entre instituições de ensino de 28 municípios. Em Paço do Lumiar há oportunidades para Ensino Básico, Graduação, Pós-Graduação e Cursos Técnicos.
Os candidatos às vagas podem escolher entre os cursos disponíveis no site. “Ao conceder bolsas de estudo em diversas etapas do ensino, contribuímos para a capacitação de profissionais e por consequência de uma mão de obra qualificada. Esses profissionais certamente terão mais condições de colaborar para o crescimento econômico-social do país”, afirma Andréia Torres, Diretora de Expansão e Relacionamento do Educa Mais Brasil.
Para conseguir o benefício, o candidato deverá acessar a página oficial do programa www.educamaisbrasil.com.br e realizar a inscrição. Mais informações podem ser adquiridas na central de atendimento: Capitais e regiões metropolitanas 4007-2020 e demais localidades 0800 724 7202.