quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Paço do Lumiar realiza 9ª Conferência Municipal de Saúde

O prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro (PSDB) abriu, na manhã desta quarta-feira (09) a 9ª Conferência Municipal de Saúde, juntamente com a secretária de Saúde, Aila Freitas. Com o tema, "Saúde Pública para cuidar bem das pessoas: um direito do povo luminense”, o evento reúne na Faculdade IESF, profissionais da saúde, comunidade, poder público municipal e o Governo do Estado do Maranhão, representado pela técnica Silvia Viana.
Em discurso, o prefeito Josemar criticou o tratamento dispensado ao município nos últimos 30 anos, que, segundo ele, dificultou a construção de equipamentos na área, como o hospital e maternidade municipal. "Enfrentamos problemas crônicos há décadas, mas, em dois anos e oito meses de mandato, podemos sentir uma melhora significativa na base de atendimento. Até o final do próximo ano, temos o desafio de entregar uma maternidade para mulheres de Paço do Lumiar", anunciou Sobreiro que reforçou ainda a importância da humanização no atendimento da população.
A secretária municipal da Saúde, Aila Freitas, enfatizou que há um grande interesse pela privatização do Sistema único de Saúde - SUS, uma vez que grandes grupos empresariais da indústria farmacêutica defendem o fim do maior programa de política pública já implantada no Brasil. “Essa conferência abordará a importância na manutenção do sistema, pois é o nosso maior patrimônio. Saímos da gotinha de vacina até os transplantes, e somos capazes de melhorar ainda mais o SUS, organizando politicamente as pessoas para o seu pleno objetivo”, acrescentou a secretária. 
Na opinião de Raimundo Barbosa, presidente do Conselho Municipal de Saúde, os eleitos deverão apresentar propostas para melhorar a saúde de Paço do Lumiar, analisando principalmente o que vem sendo desenvolvido no município.
Palestras - Na primeira palestra da manhã, Silvia Viana, da SES/MA, discorreu sobre Plano Municipal de Saúde - PMS e onde obter informações e estatísticas oficiais. "O SUS precisa ser incrementado, mas, para isso, precisamos de informações consistentes para que tenhamos condições de formular as mudanças pretendidas em todas unidades de saúde, abrangendo as políticas à população negra, agricultora, indígena e grupos homoafetivos”, relatou.
O encontro elegerá também, delegados para a 9 ª Conferências Estadual e  15ª Nacional.

Sem comentários:

Enviar um comentário