quinta-feira, 10 de setembro de 2015

238 Pessoas Participaram da IX Conferência de Saúde de Paço do Lumiar

Duzentas e trinta e oito (238) pessoas participaram da IX Conferência Municipal de Saúde de Paço do Lumiar, que aconteceu nesta quarta-feira (09) no Instituto De Ensino Superior Franciscano (IESF) no bairro Maiobão. Trabalhadores da saúde, estudantes, gestores, funcionários do poder público, convidados e a comunidade em geral estiveram presentes e lotaram o auditório da Faculdade. O tema deste ano foi, ‘Saúde Pública de qualidade Para cuidar bem das pessoas: Direito do Povo Luminense’.

Durante a tarde, os participantes da Conferência se dividiram em três grupos, que foram formados para discutir sobre a escolha das propostas a serem aprovadas e levadas à conferência nacional que acontecerá entre 23 e 26 de novembro em Brasília (DF). Os delegados escolhidos por voto durante o evento ficaram encarregados das escolhas das propostas registradas em ata.

“Já participei de cinco conferências municipais de saúde aqui em Paço do Lumiar, e sei que é um trabalho contínuo e lento, devemos ter cada vez mais projetos em prática, e para isso temos que levar boas propostas para a conferência nacional, só assim conseguiremos algum avanço na saúde, sem apoio Federal as coisas não caminham tão rápido. Não podemos pedir do prefeito sem participar como cidadãos, sei que quatro anos é pouco tempo para mudar uma cidade que vinha sofrendo há décadas, mas aos poucos reconstruiremos Paço do Lumiar”, afirmou Maria Luzia do Nascimento, moradora do município há vinte anos e conselheira de saúde municipal.

Morgana Matos, enfermeira, tem 35 anos e também participou da IX Conferência de Saúde Municipal de Paço do Lumiar, ela disse ter gostado muito, “é importantíssimo estar presente nesses momentos em que discutimos as melhorias para a saúde do nosso município. Espero que as propostas aprovadas venham a ser cumpridas e principalmente que tragam qualidade de vida para a população de Paço Do Lumiar”, concluiu Morgana com convicção da sua participação civil para a evolução do município.

Os principais temas das discussões para a criação das propostas foram: Direito A Saúde, Garantia De Acesso E Atenção Qualificada; Participação e Controle Social; Financiamento Do Sus E Relação Público-Privado e Gestão Do Sus e Modelos de Atenção à Saúde.





Sem comentários:

Enviar um comentário