sábado, 20 de dezembro de 2014

Paço do Lumiar promove a IV Conferência do Idoso

O Convento das Irmãs Da Purificação sediou nesta quinta-feira (18), a IV Conferência Municipal do Idoso. O evento, promovido pelo Conselho Municipal do Idoso (CMI) e pela Secretaria de Desenvolvimento Social, reuniu cerca de 300 pessoas e debateu políticas públicas para a terceira idade, com o tema “Protagonismo e Empoderamento da Pessoa Idosa- Por um Brasil de todas as idades”.
Durante a abertura da conferência, Ivone Oliveira, secretária de Desenvolvimento Social, destacou as iniciativas da administração municipal focadas no público da terceira idade. “Ativamos o conselho municipal do idoso, fizemos parcerias com a sociedade civil, implantamos a Casa dos Conselhos e mapeamos a quantidade de idosos no município. Vislumbrar a garantia dos direitos é fazer com que os idosos se tornem pessoas produtivas. O idoso pode ser reaproveitado para grandes ações, que venham transformar a nossa sociedade”, destacou.
Presente na reunião, o prefeito de Paço do Lumiar, Josemar Sobreiro, ressaltou o comprometimento quanto ao cumprimento dos direitos e da efetivação das políticas públicas para os idosos. “O Social tem total atenção do poder municipal. O idoso vive de trabalho, de convivência. Foram eles que deram rumo ao município. No meu mandato, o idoso de Paço terá seu espaço, terá a sua opinião”, completou.
“Queremos traçar estratégias e sensibilizar a sociedade para a realidade do envelhecimento da população. Estamos reivindicando uma Casa de Acolhimento ou de Passagem para o idoso. É um grande desafio e queremos promover esse processo com dignidade”, declarou Raimundo Nonato Barbosa, presidente do CMI.
A IV Conferência Municipal do Idoso colocou em pauta temas relevantes que poderão fortalecer a rede de proteção ao idoso. Para a aposentada Maria do Carmo, 66, o espaço oferece a possibilidade e a necessidade do idoso ser protagonista ativo nessa discussão. “Os idosos estão sendo vistos, respeitados e cuidados. O que não acontecia em outros tempos”, ponderou.

Sem comentários:

Enviar um comentário