quinta-feira, 4 de setembro de 2014

John Cutrim: ‘Tô fora’, teria dito Luis Fernando sobre pedido para apoiar Edinho

do Blog de John Cutrim

O ex-secretário do governo Roseana Sarney e ex-candidato a governador pelo grupo, Luis Fernando Silva teria dito não ao convite feito para entrar na campanha de Lobão Filho.
“Tô fora!”, teria sido essa a resposta de Luis Fernando a emissários da governadora Roseana Sarney, segundo confidenciou ao blog uma fonte do Palácio dos Leões.
Conforme publicou mais cedo o blog Marrapá, Roseana acha que Luis Fernando deveria ganhar espaço na campanha do candidato governista.
Pois bem, o blog revela o episódio em que a governadora intercedeu junto a Luis Fernando a favor de Lobão Filho. Dois dias depois de ter realizado uma reunião com prefeitos, deputados e lideranças de sua base política, ocorrida no último dia 4 de agosto na mansão do Calhau (São Luís), a governadora Roseana pediu a Luis Fernando que participasse da campanha de Edinho Lobão. Roseana relatara que tinha de posse pesquisas internas as quais apontavam que o apoio de Luis Fernando capitalizava votos à candidatura de Edinho. Em alguns municípios, algo em torno de 10%.
Além disso, foi apresentado a Fernando pesquisa na cidade de São José de Ribamar mostrando que Flávio Dino liderava com larga vantagem na cidade santuário. Indiferente com o apelo da amiga (da onça), Luis Fernando apenas fez ouvido de mercador e rejeitou a súplica da filha do senador José Sarney.
Também desesperado com o baixo rendimento de Lobão Filho nas pesquisas, outro que pediu ajuda a Luis Fernando foi o secretário de Saúde, Ricardo Murad. Os dois até privam de boa amizade, mas ainda assim Luis Fernando, segundo apurou o editor do blog, disse não ao pedido do amigo.
Educadamente, Luis Fernando teria dito tanto a Roseana quanto a Ricardo Murad que não se envolveria mais na campanha deste ano, depois de ter sua candidatura covardemente rifada pelo grupo.
O ex-prefeito de Ribamar, além de enganado por Roseana e seu marido Jorge Murad, foi de maneira cruel e desleal fritado pela oligarquia. Luis foi alijado do processo da pior maneira por membros no núcleo forte do clã por não aceitar, caso fosse eleito, fazer certos tipos coisas inerente ao modus operandi dos governos enrolados da oligarquia Sarney. Ainda foi tratado desrespeitosamente pelos antigos aliados, que até hoje só o chamam de frouxo.
Ou seja, o “tô fora” de Luis Fernando para a campanha de Edinho (a cada dia vem perdendo força e apoio, além de não deslanchar nas pesquisas) saiu barato.

Sem comentários:

Enviar um comentário