terça-feira, 1 de julho de 2014

Deu na Veja: “Justiça impede Roseana de usar recursos do BNDES para abastecer municípios às vésperas da eleição”

Blogs e Colunistas
terça-feira, 1 de julho de 2014
14:21 \ Brasil

“Propósitos eleitoreiros”

Sem pedido de informação
Liminar
A Justiça Federal concedeu uma liminar impedindo que Roseana Sarney use recursos de empréstimos do BNDES para repassá-los a prefeituras do Maranhão às vésperas das eleições.
Quatro deputados estaduais da oposição recorreram ao Judiciário para barrar a criação do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios do Maranhão, aprovado na Assembleia Legislativa.
O projeto enviado por Roseana previa que o caixa do fundo fosse abastecido com dinheiro do BNDES para financiar ações das prefeituras. De acordo com o recurso dos deputados, entre 2009 e 2012, o governo do Maranhão captou cerca de 4,5 bilhões de reais do BNDES.
A manobra, segundo os deputados que a denunciaram, quebra o contrato firmado com o BNDES, que liberou o dinheiro sob a condição de os recursos serem mantidos em uma conta bancária específica.
Além disso, o projeto aprovado na Assembleia autoriza inclusive que o dinheiro repassado poderá financiar licitações em andamento. A medida também é ilegal, de acordo com os denunciantes.
O juiz Jorge Ferraz de Oliveira Junior afirmou em seu despacho:
- A atual governadora teria em eleições anteriores se valido de convênios e transferências aos municípios com propósitos meramente eleitoreiros. Nisso reside a meu ver a plausibilidade das alegações.
Resultado: a liminar assinada pelo magistrado determina a suspensão dos repasses e o estorno do dinheiro oriundo de empréstimos.
Por Lauro Jardim

Sem comentários:

Enviar um comentário