quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

PGR envia ao Supremo parecer favorável à prisão de Jefferson

19/12/2013 19h24 - Atualizado em 19/12/2013 20h44


Parecer se baseia em resposta do Rio de que presídios podem receber réu.
Supremo vai decidir se o delator do mensalão pode cumprir pena em casa.

Mariana OliveiraDo G1, em Brasília
39 comentários
Ex-deputado Roberto Jefferson, delator do esquema do mensalão, no Inca/GNews (Foto: Reprodução Globo News)Ex-deputado Roberto Jefferson, delator do esquema
do mensalão, no Inca/GNews (Foto: Globo News)
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quinta-feira (19) opinando contra o pedido de prisão domiciliar feito pelo ex-deputado Roberto Jefferson, delator do mensalão.
O parecer se baseia em informações da Vara de Execuções Penais (VEP) da cidade do Rio de Janeiro, que informou ao Supremo que o sistema prisional do estado tem condições de receber o ex-deputado. A informação havia sido solicitada pelo presidente do STF e relator do mensalão, Joaquim Barbosa, a pedido de Janot.
Antes de expedir mandado de prisão para Jefferson, Barbosa enviou à Procuradoria Geral da República e à defesa de Jefferson -- para que ambos se manifestassem -- laudo médico sobre a saúde do ex-deputado, elaborado por uma junta de especialistas do Instituto Nacional do Câncer (Inca). A avaliação concluiu que ele não tem sinais de câncer e que não há necessidade de prisão domiciliar.
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu para o STF averiguar se o presídio que eventualmente receberá o ex-deputado Roberto Jefferson tem condições de dar atendimento médico e dieta específica ao ex-deputado. Só depois de obter a informação, daria um parecer.
Em documento enviado ao Supremo na semana, Jefferson também indagou se algum presídio teria condições de oferecer a dieta diária que necessita para tratamento de "síndrome metabólica caracterizada por diabete mellitus tipo II, dislipidemia, hipertensão arterial sistêmica e histórico de obesidade mórbida". Segundo ele, essa dieta consiste de queijo branco, pão integral, suco batido com água de coco, salmão defumado, omelete de claras e whey protein (tipo de proteína).
Nesta segunda (16), Jefferson afirmou que a divulgação de sua dieta foi usada para "desqualificar" o pedido de prisão domiciliar.
Jefferson passou por cirurgia em julho do ano passado para retirada de tumor no pâncreas. Em dois anos, ele perdeu 20 quilos, conforme os médicos que o atenderam. Atualmente, ele tem desequilíbrio metabólico e restrição alimentar resultantes do tratamento.

Três mulheres comandam o judiciário estadual a partir de amanhã

Publicado em  por 

Desembargadoras assumem comando do Tribunal de Justiça do Maranhão
Desembargadoras assumem comando do Tribunal de Justiça do Maranhão
A poucos dias do final do ano em que o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) completou dois séculos de existência, o Poder Judiciário estadual passará a ser comandado por três mulheres, algo inédito em sua história. Às 10h amanhã (20), as desembargadoras Cleonice Freire, Anildes Cruz e Nelma Sarney tomarão posse nos cargos de presidente, vice e corregedora-geral da justiça, respectivamente.
O local da solenidade também leva nome de mulher: o auditório Madalena Serejo, em homenagem à desembargadora falecida em 9 de março deste ano, situado no térreo da sede do Fórum de São Luís, no Calhau.
 Para completar, a presidente eleita receberá o cargo da desembargadora Maria dos Remédios Buna Magalhães, empossada na presidência após a renúncia do desembargador Guerreiro Júnior, na última quarta-feira, candidato eleito para membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MA).
 As três integrantes da nova mesa diretora foram eleitas em sessão plenária administrativa, no dia 2 de outubro passado, para o biênio que vai de dezembro de 2013 a dezembro de 2015.
Ascom TJ

Governo arredonda mínimo para R$ 724, mas mantém reajuste do seguro-desemprego abaixo da correção do salário mínimo

o Globo

Extra
A partir de janeiro, o salário mínimo nacional deverá subir de R$ 678 para R$ 724, um reajuste de 6,78%, segundo o Orçamento da União aprovado, na madrugada desta quarta-feira, pelo Congresso Nacional. O aumento ficou abaixo do índice de correção concedido em 2013 (9%), mas acima da projeção de inflação para este ano (5,7%), pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).
O novo piso não modificará apenas a remuneração de trabalhadores. Benefícios como o abono do PIS/Pasep e os valores máximos de indenização dos Juizados Especiais Cíveis e Federais — que são atrelados ao mínimo — também serão corrigidos em 1º de janeiro (veja ao lado).
O aumento, porém, mais uma vez não beneficiará quem recebe seguro-desemprego. Ontem, durante uma reunião do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) — grupo formado por representantes do governo, empresários e sindicalistas —, ficou decidido que a discussão sobre os critérios de correção do benefício ficarão para 2014.
Em tese, deverá mantido o atual modelo de reajuste do seguro-desemprego — que entrou em vigor em 2013 —, em que a correção do benefício se baseia apenas na inflação anual, e não no percentual de aumento do piso nacional. Se obedecesse à correção do mínimo, o teto do seguro passaria para R$ 1.319,70, em vez dos R$ 1.306,35, previstos (projeção para o INPC).
A aprovação do orçamento ainda determinará o total de vagas a serem preenchidas por concurso público. O número final ainda não foi divulgado, mas a previsão é que sejam 48.089 postos.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/economia/governo-arredonda-minimo-para-724-mas-mantem-reajuste-do-seguro-desemprego-abaixo-da-correcao-do-salario-minimo-11109286#ixzz2nxBKbmeu 
© 1996 - 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 

Wellington e Eliziane participam de reuniões com Marina e Eduardo Campos em Brasília e Recife

http://www.luiscardoso.com.br

Política 


IMG-20131218-WA0034O vice-presidente do Diretório Estadual do PPS-MA, suplente de deputado, Wellington do Curso, juntamente com a deputada estadual Eliziane Gama, participou no último final de semana, em Brasília, do 1º Seminário Programático da REDE de Sustentabilidade: “Reforma do Estado e Fundamentos da Política Econômica”.
O evento que reuniu militantes de todo o País contou com a presença do governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) e da ex-senadora Marina Silva (REDE).
Wellington do Curso e Eliziane Gama participaram também de reunião na segunda-feira (16), em Recife, com o presidenciável Eduardo Campos (PSB) e membros da Executiva Nacional do Partido Popular Socialista (PPS) , a qual foi coordenada pelo presidente nacional da legenda, deputado federal Roberto Freire (SP), e formada por lideranças políticas da sigla no Brasil.
Esta foi a primeira reunião entre Eduardo Campos e o PPS após a aprovação de indicativo a apoio do PPS ao PSB nas eleições de 2014.
No evento, que contou com a presença de três pré-candidatos ao governo do estado filiados ao PPS no País, a deputada Eliziane Gama (Maranhão), a deputada distrital, Eliane Pedroza (Distrito Federal), o vice-prefeito de Manaus, Hissa Abrahão (Amazonas), foi formalizado o apoio do PPS à candidatura do governador de Pernambuco ao Planalto em 2014.IMG-20131218-WA0033
“É importante fazer todo esforço para concretizar uma coalizão não só nacional, mas também nos estados. Para mim, tem sido um grande aprendizado poder acompanhar e participar dos recentes desdobramentos do cenário político nacional com atenção voltada para as articulações que envolvem diretamente as eleições no estado do Maranhão” destacou o professor Wellington.
Wellington do Curso, como é chamado, é pré-candidato a deputado estadual e tem participado ativamente de todas as ações do PPS/MA e tem se destacado como um dos maiores apoiadores e defensores da pré-candidatura de Eliziane Gama ao governo do estado do Maranhão.
IMG-20131218-WA0032

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

VEREADORES FALTAM E SESSÃO NÃO ACONTECE, EM PAÇO DO LUMIAR!

[Charuto, Campelo, Leonardo Bruno, Wellington Sousa, Marinho, Jorge Brito]

Os vereadores André Costa, Marcelo Portela, Vanusa, Silvia Inácio, Orlete, Miau, Jorge Maru, Alderico Campos e Itaparandi, não foram a sessão de hoje [17]. 

Dando uma ressalva aos 2 últimos, sendo que Itaparandi está doente e Alderico é oposição, o restante mais uma vez tenta mostrar a força que tem dentro da casa. Os motivos, só saberemos num próximo capítulo.

Marinho

De novidade, temos o vereador Marinho, que pelo que tudo indica, não foi previamente avisado da falta em massa do grupo.

Charuto

Não fede nem cheira. Ou melhor, trabalha. Opa! vai as sessões e espera o melhor momento de tentar se aproveitar de quem está enfraquecido, deste modo, intitula-se um aliado fiel. Assim como foi no governo de Bia Aroso, ficou até o fim. Hum, será porque mesmo? será que ele gostava e tinha respeito pela ex-prefeita cassada?

O fato é que o vereador mais antigo da casa, está de olho em tudo, afinal, viu muita gente, cair; levantar, e outros sumirem da vida pública. Como ele mesmo diz: "Eu tenho dois ouvidos e uma boca..."

Jorge Brito

Esse não tem mais credibilidade nenhuma frente a população da sua comunidade Iguaiba, foi chamado inclusive de 'moleque', pelo povo que tanto acreditou no seu 'potencial'. O paramentar voltou a casa, mais fraco do que nunca, só faltou chorar, dizendo-se triste porque o prefeito não cumpriu a data, que segundo ele, havia marcado para as obras no Igauiba. E está, declaradamente em greve de tribuna. Só vai falar, quando for pra agradecer o prefeito Josemar, pelos trabalhos no Iguaiba. 

Era só o que faltava mesmo....

Leonardo, Campelo e Wellington, já sabe-se, que são da base de governo.


Jovem é baleado em quadra poliesportiva no Paranã em Paço do Lumiar


Os autores da tentativa de homicídio residem na área do Paranã e teriam prometido vingança pelo fato de a vítima ter passado informações que levaram à localização de um carro roubado.

O jovem Vinicius Pereira, de 17 anos, foi atingido com quatro tiros quando se encontrava jogando futsal na quadra poliesportiva do Conjunto Paranã I, em Paço do Lumiar, na noite de segunda-feira(16). Ele estava na companhia de outros amigos quando chegaram dois homens armados e ordenando que todos se afastassem. Em seguida começaram a disparar contra Viniciuis que foi atingido na região pélvica e na cintura. 


A tentativa de homicídio teria sido uma espécie de acerto pelo fato de Vinicius ter dado informações que ajudaram a localizar uma caminhonete que havia sido tomada de assalto na região do Paranã, na semana passada. Os dois homens teriam prometido vingança. 
O objetivo deles não era assassinar Vinicius, mas deixá-lo com algum tipo de deficiência física, como paraplegia. Ao dar entrada no Socorrão II, Vinicius teria dito aos socorristas do SAMU que não estava conseguindo movimentar as pernas. 


Informações colhidas no local da tentativa de homicídio dão conta que os dois atiradores já foram vistos na região do Paranã e teriam passagens pela polícia. 


Informações. Gilberto Lima/Rilton Silva
Fotos: Américo do Paço

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

E O PAÇO, COMO TÁ?

Ao que se percebe, nessa chegada de 1 ano de atividades políticas, é que estão sendo tomadas decisões, e o que mais preocupa quem não está dentro, é o perigo de não entrar mais. Quem se diz merecedor de um bom cargo, perde as esperanças, e cai pra fazer oposição. Mas uma espécie de oposição as escuras, porque lá no fundo, acha muito mais fácil se empregar, do que lutar pra que o governo tenha um fim trágico.

Isso se dá, pela 'cultura' que historicamente a política de Paço do Lumiar, funcionava. Ai, de repente, tudo muda. As pessoas que dependem da política, e sempre dependeram, ficam sem saber o que fazer. Uns tentam ficar calados e pegar a pressão popular, mesmo deixando de lado, seus projetos pessoas, tendo em vista suas dificuldades atuais. O agora, fala mais alto.

Outros, que estavam apagados, agora, com a situação instalada, querendo crescer, e mudar de lado, o de mocinho. Mas, isso é a política, tudo muda rápido, e o povo só como espectador. Opa! não tá sendo assim, essa é a grande surpresa, o povo está saindo de casa, e dizendo - Nós estamos aqui. 

O que mais me chamou a atenção, foi que a população, ao seu modo, está mais esclarecida, e começando a exigir os seus direitos; nem sempre, como deveria fazer, mas está fazendo...

Protesto interdita dois sentidos da avenida dos Portugueses nesta manhã, em São Luís

Proprietários de táxi-lotação do Itaqui-Bacanga protestam contra decisão que levou à suspensão das operações na área.

Imirante.com, com informações da Mirante AM
16/12/2013 às 06h13 - Atualizado em 16/12/2013 às 08h57
SÃO LUÍS – Interditados, no início da manhã desta segunda-feira (16), os dois sentidos da avenida dos Portugueses, na altura da barragem do Bacanga, em São Luís. De acordo com informações repassadas por um ouvinte da Rádio Mirante AM, trata-se de um protesto dos proprietários de táxi-lotação da área Itaqui-Bacanga e moradores da região.
Na última semana, motoristas da Cooperativa de Táxi e Transporte da Área Itaqui-Bacanga (Coopettaib) que fazem transporte de passageiros na região tiveram que suspender suas operações. A decisão foi tomada pela Desembargadora Nelma Sarney, em sessão da 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão e é procedente de um recurso interposto pela Prefeitura de São Luís contra a sentença favorável à cooperativa, que havia garantido o direito de exercer o serviço em março deste ano, após decisão proferida pelo juiz titular da 3ª Vara da Fazenda Pública, José Figueiredo dos Anjos.
Manifestação na Avenida dos Portugueses em São Luís/Foto: Jorge Aragão/Mirante AM
Manifestação na Avenida dos Portugueses em São Luís/Foto: Jorge Aragão/Mirante AM