sexta-feira, 20 de setembro de 2013

ESCOLA PADRE MAURÍCIO EM PAÇO DO LUMIAR/ MAIOBÃO NOS PREPARATIVOS PARA O DIA DA ÁRVORE (21) E EM ATIVIDADES DA SEMANA DE TRÂNSITO (18 A 25) [Clayton Collins via Facebook}



Crianças aprendem como tratar bem a árvore, e o meio ambiente como um todo, através de aulas práticas e da maneira como elas mais gostam; com a mão na massa. Ou melhor - no verde - Homenagem ao DIA DA ÁRVORE - 21 Set. Preparam-se para a SEMANA DE TRÂNSITO (18 a 25 Set), tendo a consciência de que motorista e pedestre tem de se respeitar, para que a segurança de todos prevaleça. 

Parabéns a toda a equipe da escola pela preocupação com a formação de um cidadão consciente. No momento, fui recebido por: Kátia Teixeira, Zenita Sales - Coordenadora Pedagógica; professoras: 5° ano - Silvana Marques, Clea Sousa. 3a série - Alessandra e Marluce.

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

VER. MARINHO FALA SOBRE O PÉSSIMO ATENDIMENTO DA CAEMA EM PAÇO DO LUMIAR

DIREITO DE RESPOSTA - VER. SÍLVIA INÁCIO


RESSALVA da assessoria da mesma:

A vereadora está fazendo o seu papel de legislar, cobrar e reivindicar. Sendo assim, tem plena liberdade,
independente de ser participante de qualquer comissão, que designa um tema específico. No caso, saúde, educação e cultura.

Na Pirâmide existe uma escola chamada Tia Bia 3, na Rua da Maca Qd 33. 

Não foi só uma pessoa denunciando, e sim várias da mesma escola.

Ela procurou a secretaria e respectivamente a secretária responsável, que segundo ela, não foi atendida a contento.

Ver. Vanusa, deu apoio a causa da mesma.

Com relação ao meu comentário: 

- O que pareceu foi uma tentativa de mostrar serviço de forma isolada, e mostrar à população que a atuação da vereadora é exemplar. Mas a total falta de informação, complicou toda a situação. 

A assessoria relatou que a publicidade das ações de qualquer parlamentar, são de extrema relevância,
para que a população tome ciência das ações do mesmo.

Já relacionado ao título da matéria, a frase abaixo, foi proferida em outro momento. Onde a vereadora relatava não estar satisfeita com um funcionário do Executivo:

 "NÃO SEI, NÃO QUERO SABER, E TENHO RAIVA DE QUEM SABE".

Este canal, sendo democrático, sempre está aberto a ouvir ambas as partes; todas as versões possíveis.

Grato.


quarta-feira, 18 de setembro de 2013

COMUNIDADE DO MOJÓ - JUVENTUDE UNIDA DE PAÇO DO LUMIAR por CLAYTON COLLINS via Facebook



A Juventude Unida De Paço Do Lumiar, esteve hoje (18/ 9) na comunidade do Mojó em Paço do Lumiar, entregando os alimentos doados pelos jovens, no 4° Encontro, no dia 7 de Setembro, na escola Pe. Maurício, no Maiobão.


Ao lado dos amigos, Thiago MachadoDudu CrossRilton Silva (UMESP). Voltamos a reencontrar as crianças lindas daquela terra abençoada por Deus. Para eles foram a primeira vez, estar ao lado das pessoas da escola Nicolau Dino.

Contamos com o apoio da diretora Eliana Fonseca, e da nossa amiga Gdmar Rodrigues. Que infelizmente não pode estar presente, mas nos indicou com muito carinho além das mães presentes.  

Agradecimentos especiais ao vereador Miau Oliveira, e ao amigo Ráder Leão por terem nos apresentado essa família.

Uma parte de cada jovem, estava ali representada por nós, nesse momento tão importante das nossas vidas. 

AMAR O PRÓXIMO, isso é uma lição de Jesus nas nossas vidas.

"NÃO SEI, NÃO QUERO SABER, E TENHO RAIVA DE QUEM SABE". Sílvia Inácio perdida, perdidinha!

Totalmente desinformada e desorientada, a vereadora sobe a tribuna da Câmara, mas perdida que cego em tiroteio; sem saber ao menos onde e o nome da escola, que relata fazer uma denúncia, que veio de uma ligação anônima.

A parlamentar disse que existia um problema numa escola da Pirâmide, e perguntou: "É a escola Tia Bia que fica lá não é?". Na verdade essa escola fica na Pindoba.

A pessoa que denunciou  segundo ela, era uma funcionária que, com medo de retaliações, não iria se identificar de início, mas iria até a casa da vereadora, assim que o problema estivesse resolvido.

Para o presidente; Leonardo Bruno, essa denúncia tinha algo com divergência política. "Temos de ter cuidado e analisar bem essas denúncias que sempre chegam até o nosso conhecimento". 

Marcelo Portela e Jorge Maru, apoiaram a vereadora que relatou ter ido a Secretaria de Educação Municipal, mas que a secretária não cumpriu em se deslocar até a escola com a mesma.

Ver. Marinho e Vanusa, integrantes da comissão de educação, da qual Sílvia Inácio integra, não gostaram da atitude isolada da parlamentar. "Se a senhora estivesse comunicado seus companheiros, isso não teria acontecido". Relata Marinho, descontente com a falta de trabalho em equipe.

- O que pareceu foi uma tentativa de mostrar serviço de forma isolada, e mostrar à população que a atuação da vereadora é exemplar. Mas a total falta de informação, complicou toda a situação. 

Como diz a parlamentar "NÃO SEI, NÃO QUERO SABER, E TENHO RAIVA DE QUEM SABE".

Comissão de Saúde, Educação e Cultura:
  • Marinho do Paço (PP) – Presidente
  • Vanusa (PRB) – Relatora
  • Silvia Inacio (PRP) – Membro

Vereadores: CAMPELO, WELLINGTON SOUSA E MARCELO PORTELA FALAM SOBRE CAEMA E INFRAESTRUTURA EM PAÇO DO LUMIAR

Ver. Campelo fala (17/9) sobre a idade do Maiobão, 31 anos e relata que a grande problemática do bairro, com relação ao déficit no abastecimento, está relacionado a construção de uma caixa d´água, que hoje não comporta abastecer todas as áreas adjacentes ao Maiobão. 

Na sua opinião, a Caema deveria construir um novo sistema de abastecimento para suprir as necessidades da população.

"A população realmente cresceu" relata Wellington Sousa, afirmando que a companhia não buscou e não tem interesse em buscar essa evolução na prestação do serviço.

Ver. Marcelo Portela. Fala sobre o péssimo serviço prestado pela Caema e relata a problemática vivida por cidadãos de Paço, sob poeira - Problema de infraestrutura: "Ninguém entra num processo de eleição não sabendo aquilo que vai encontrar; Muito mais difícil é uma casa sem água onde ela está coberta de poeira".

Confira:

terça-feira, 17 de setembro de 2013

É UM TAL DE BABA BABY!

Vish que tem blogueiro que tá na fita; só no tal de baba baby. A postura de alguns cidadãos me espanta. E até me faz repensar essa posição de blogueiro. 

Acontece que nada é por acaso, e podem enganar outro, mas eu não.

Quem se engana é quem acredita que tais 'babices' são prova de alguma confiança. Eu ein?! já vi muito chove não molha!

Não me pergunta que postagem é essa, que não é todo mundo que entende...

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Caso Daniel Smith: suspeito de assassinato é encontrado morto

Publicado em 

03
No início da noite deste domingo (15), Jonathan João Nunes, de 19 anos, foi encontrado morto na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ) de Pedrinhas, em São Luís. Jonathan estava no bloco D da CCPJ e a polícia suspeita que ele tenha sido assassinado por outros detentos. Ele é o 26º preso a ser morto dentro dos presídios do Maranhão este ano. A vitima estava preso por suspeita de envolvimento na morte do empresário e paisagista Daniel Smith, morto no último dia 5.
Outros dois suspeitos de matar o empresário, também morreram poucos dias após o latrocínio (roubo seguido de morte). As duas primeiras vítimas foram Pedro Melônio, conhecido como “Eduardo Olhão”, de 17 anos, e Marcelo Henrique Silva, o “Marcelinho”, de 25 anos.
Entenda o caso
Daniel Smith foi visto pela última vez na quarta-feira (4), ao sair de sua residência, no bairro do Calhau. A família do paisagista deu conta de seu sumiço depois que a polícia encontrou o carro dele abandonado no Araçagi. John Smith, irmão de Daniel, garantiu que a vítima não tinha inimizades. “Meu irmão não tinha inimizades, não se dava com maus elementos (…) Meu irmão não se dava com pessoas que eu não soubesse quem elas eram”, afirmou.
Segundo o delegado André Gossaim, da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), a vítima foi avistada pela quadrilha na Avenida Litorânea. “Eles tomaram de assalto o carro do empresário e o sequestraram. Depois, ele foi obrigado pelos bandidos a sacar dinheiro”, declarou. Indagado sobre a motivação do latrocínio [roubo seguido de morte], um dos suspeitos afirmou que o empresário reconheceu um dos integrantes do bando, e eles decidiram matá-lo para que o crime não fosse descoberto.
Um dos suspeitos, que seria adolescente, foi identificado apenas como Renan confessou a autoria do crime. De acordo com a Seic, Renan já teria sete passagens pela polícia. O terceiro suspeito, identificado como Givanilson, foi morto durante troca de tiros com os policiais. A polícia continua investigando a participação de mais pessoas no assassinato.
Ainda segundo o delegado, Renan contou, em depoimento, que a vítima foi levada pelo bando no próprio carro até a Praia de Panaquatira. Depois, foram ao Araçagi, onde realizaram assalto em uma residência. De lá, levaram objetos, além de um carro modelo Punto. Após o assalto, eles abandonaram o veículo do paisagista. O Punto foi abandonado na Vila Isabel, no bairro do Anjo da Guarda, região do Itaqui-Bacanga.

domingo, 15 de setembro de 2013

EVENTO DO MARAFOLIA PLAYGROUND É MARCADO POR ACIDENTE GRAVE EM SÃO LUÍS. A JUSTIÇA ESTÁ DE OLHO NOS EVENTOS DA EMPRESA, E COBRA EXPLICAÇÕES.


Homem saca do brinquedo na festa Playground do Marafolia em São Luis

No início da madrugada de hoje, dia 15, um incidente ocorreu na festa Playground Music Festival, organizado pelo Marafolia, no Espaço Reserva, próximo do Shopping da Ilha, em São Luís-MA.

Segundo informações repassadas ao Blog do Luis Pablo, o rapaz caiu de um brinquedo chamado Tapete, que fazia parte do show temático da mega festa e foi levado para um hospital em estado grave.

Um jovem identificado como Jairon José Radrigres Dias relatou em seu Facebook, que a vítima estava do seu lado no momento em que caiu do brinquedo.

“Morte no brinquedo tátapede do Playground. O cara tava do meu lado qndo caiu.Foi horrível”, disse Jairon em sua página na rede social.

A organização do Marafolia deverá se pronunciar sobre o ocorrido.

CLAYTON COLLINS via Luis Pablo