sábado, 13 de julho de 2013

Veja quanto Paço do Lumiar receberá do auxílio emergencial anunciado por Dilma.

[
[Por Rilton Silva] O montante anunciado será repassado em duas parcelas, uma em agosto deste ano e a outra em abril de 2014. Este aporte não terá desconto do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), tão pouco vinculação a alguma área.



A Confederação Nacional de Municípios (CNM) fez os cálculos, e antecipa os valores de cada ente municipal deve receber, de acordo com o anúncio de Dilma. Segundo a entidade, os R$ 3 bilhões representam o que geralmente é repassado às prefeituras em julho, por meio do Fundo de Participação (FPM).

“Não é o que queríamos. É paliativo e a discussão precisa continuar, mas é um alívio para quem está com tantas dificuldades”, avalia o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.

Veja o valor de Paço do Lumiar:



SALÁRIO DOS PROFESSORES DE PAÇO DO LUMIAR EM ATRASO - PREFEITURA DIZ QUE MATÉRIA DE BLOGUEIRO CÉSAR BELLO É MENTIROSA!


Paço do Lumiar foi o maior símbolo de município-corrupção do Maranhão nos últimos anos. A ex-prefeita Bia Aroso quase toda a família foram presos ou respondem a processos na Justiça Pública.

A Prefeitura de Paço do Lumiar foi loteada, sucateada, rapinada pela ação das diversas quadrilhas que comandavam as secretarias municipais. Imperavam improbidades,ausência de serviços públicos.

O Blog do Cesar Bello vaticinou(previu com absoluta certeza) que Bia Aroso deixaria a prefeitura presa. O fato aconteceu para o regojizo da população, que sofre pela ação corrupta dos gestores.

Agora recebo em comentário a informação de que o prefeito "Professor Josemar" não paga os professores regularmente. Logo os professores, "Professor Josemar"! Será que a história vai se repetir?

Anônimo disse...
Caro amigo sou professora da rede municipal de Paço do Lumiar, estou escrevendo este apelo para o prefeito Josemar porque o meu pagamento como o pagamento de vários colegas professores não foram depositados, por favor prefeito assim como o senhor tem responsabilidade com sua família nós também temos, precisamos comprar mantimentos, mas sem receber é impossível, pedimos que o prefeito ou a secretaria Paula pelo menos publique uma comunicação explicando quando vamos receber o nosso dinheiro.

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA PREFEITURA DE PAÇO DO LUMIAR
Em atenção à solicitação de nota enviada à Coordenação de Comunicação,  sob o título “COMEÇARAM OS PROBLEMAS EM PAÇO DO LUMIAR: OS PROFESSORES ESTÃO COM OS SALÁRIOS EM ATRASO”, vimos prestar os seguintes esclarecimentos:
De fato, em Paço do Lumiar existem sérios desafios de ordem estrutural e também, como mencionado no blog, históricos, que afetam diretamente a Educação em nosso Município. Tais situações, desde o início da atual gestão vem sendo diagnosticadas e resolvidas gradativamente; em seis meses de governo já existe um cenário completamente novo.
A informação contida em sua publicação [Blog do César Bello] de que existem salários atrasados dos servidores da Educação é totalmente improcedente, e não corresponde a realidade, pois, é possível assegurar e provar que todos os servidores públicos da Secretaria Municipal de Educação de Paço do Lumiar estão com seus vencimentos absolutamente em dias.
Ainda a título de informação, na atual gestão já foram realizados os seguintes pagamentos: vencimentos em dias dos salários dos meses de janeiro a junho de 2013; valores correspondentes as férias dos Educadores; primeira parcela do 13º salário de 2013; e vencimento do mês de dezembro de 2012 deixado em aberto e sem recursos pela gestão anterior.
Há, ainda, duas situações que merecem destaque. A primeira é que desde o mês de abril do corrente ano, todos os servidores da Educação municipal têm recebido seus vencimentos dentro do mesmo mês de competência, sem qualquer atraso. A outra é que Paço do Lumiar já garante ao Professor de sua Rede de Ensino, quer contratado ou efetivo, que 1/3 de sua jornada de trabalho esteja sendo reservado para as atividades extraclasse, conforme preconiza a Lei Federal nº 11.738/2008; essa garantia vem sendo cumprida por apenas 3% dos Municípios Brasileiros, segundo  o site  "Todos pela Educação" (http://www.todospelaeducacao.org.br)
As críticas são saudáveis e serão sempre recebidas, porém, a informação publicada no blog [César Bello] em relação ao atraso de salários não condiz com a verdade, o que compromete a credibilidade de seu autor, e atinge de forma irresponsável a imagem do Município e de seus gestores.

#JUVENTUDE NO PODER!


Vamos botar os velhos pra fora - OS VELHOS, costumes de só roubar o que poderia dar comida e uma melhor qualidade de vida para a população. 

Vamos acabar com OS VELHOS pensamentos, de querer apenas se dar bem, enquanto milhares de pessoas, se dão mal.

É isso que significa - A JUVENTUDE NO PODER, porque só assim, O BRASIL VAI CRESCER!

Por CLAYTON COLLINS

sexta-feira, 12 de julho de 2013

'PMs estavam no sadismo', diz ferido com 4 balas de borracha no Rio

12/07/2013 15h54 - Atualizado em 12/07/2013 15h54


Cinegrafista foi atingido também por granada do pé e ainda sente dores.
'Atiraram indiscriminadamente o gás, como se fosse Parabéns pra você".

Tahiane StocheroDo G1, em São Paulo
334 comentários
Thiago Earp foi ferido por balas de borracha no quadril, no braço e na perna (Foto: Arquivo Pessoal)Thiago Earp foi ferido por balas de borracha no quadril,
no braço e na perna (Foto: Arquivo Pessoal)
O produtor cultural Thiago Earp, de 31 anos, ferido com pelo menos quatro balas de borracha, disparadas por policiais militares durante confronto no Palácio Guanabara, na Zona Sul do Rio, na noite desta quinta-feira (11), diz que os PMs atiraram "indiscriminadamente".
Cinegrafista, ele acompanhava a manifestação em frente à sede do Governo do estado do Rio de Janeiro para a produção de um documentário independente. Os protestos reuniram cerca de 6 mil e terminaram com confronto após uma passeata na Avenida Rio Branco, no Centro.
Earp também foi alvejado no pé direito por uma granada de efeito moral, jogada pela PM para dispersar o grupo em frente ao Palácio Guanabara. O artefato provocou cortes e ferimentos na sua perna.

Em nota ao G1, a PM respondeu que os policiais fizeram uso de munição menos letal para reagir a ataques com coquetéis molotov e morteiros. A corporação não se posicionou sobre o caso do cinegrafista (leia abaixo).
Ainda com dores e dificuldades para caminhar, Earp, que é natural de Campo Grande (MS) mas mora há 13 anos no Rio, retorna nesta sexta-feira (12) à Casa de Saúde Pinheiro Machado, localizada em frente ao Palácio.

Foi lá que ele foi atendido à noite. Vai  realizar novos exames no pé, que ainda dói, e pegar um prontuário médico.
“Estou acompanhando os protestos desde o dia 16 de junho, durante a partida entre Itália e México no Maracanã pela Copa das Confederações. Sempre teve confusão, mas o de ontem [quinta] foi o pior de todos. Tinha muito policial (em frente ao Palácio Guanabara) para meia dúzia de gente. Usaram muito gás, foi desnecessário. Atiraram indiscriminadamente, como se fosse um ‘Parabéns pra você’”, diz o cinegrafista ao G1.
Earp diz que caiu ao ser atingido por um granada e que, depois, formou-se uma “nuvem de gás extensa” que o impedia de ver algo.
Thiago Earp participava da manifestação para fazer um documentário (Foto: Arquivo Pessoal)Thiago Earp participava da manifestação para fazer um
documentário (Foto: Arquivo Pessoal)
“Jogaram muito gás, muito mesmo, e daí começaram a atirar com balas de borracha dentro da nuvem. Não vi quando fui atingido. Pareciam despreparados. Alguns PMs estavam no sadismo mesmo. Um amigo disse ter ouvido um deles gritando: ‘Corre, maconheiro, corre! Vai pra casa, filho da puta’”, relembra.

Os tiros de borracha ocorreram a uma curta distância, entre 3 e 5 metros, diz.
“Independente de ser pacífico ou não, eu sempre vou para filmar, buscar imagens melhores para o vídeo. Não tínhamos ideia que ia acontecer o que virou: uma guerra no Centro do Rio”.
 
Vidraça da Casa de Saúde Pinheiro Machado é atingida (Foto: Priscilla Souza/ G1)Vidraça da Casa de Saúde Pinheiro Machado foi
atingida no confronto (Foto: Priscilla Souza/ G1)
'Nuvem de gás'
Segundo Earp, o protesto em frente ao Palácio Guanabara estava pacífico. “Não havia nenhum movimento, os PMs começaram com agressão do nada. Naquele momento todo mundo gritava contra eles. Era muito gás que não tinha como fugir dali. Meu ouvido está apitando até agora”, relembra.
O produtor cultural diz ter marcas de bala de borracha no braço, nas costas e na perna esquerda, além de estilhaços da granada nas duas pernas e que não conseguiu ver os PMs que o atingiram. Com dor no pé e dificuldades para caminhar, foi socorrido por outros manifestantes até um prédio, onde ficou abrigado até conseguir pedir ajuda a um amigo.

“Uma alma caridosa de um prédio abriu o portão, na Avenida Pinheiro Machado (que estava bloqueada) e me jogaram para dentro, fiquei esperando a nuvem de gás passar e respirar”, diz. No hospital, segundo ele, o cheiro de gás era intenso e havia marcas de destruição.

Questionada pelo G1 sobre o caso, a PM não informou se investigaria. Em nota, a corporação disse apenas que “um grupo infiltrado entre os manifestantes arremessou
um coquetel molotov” em direção ao Palácio Guanabara e que “morteiros foram arremessados contra a tropa da Polícia Militar”, que reagiu com o emprego de armamento não letal. Um soldado foi ferido na cabeça por uma pedrada e 46 pessoas foram presas no confronto.

#‎DESISTIR‬ É PARA OS FRACOS!



>>Curta Page Clayton Collins Collins<< 


Vamos seguindo em frente galera. Esse país precisa da nossa garra, e criatividade pra se livrar desses urubus que sugam todos os nossos recursos, e fazem a nossa população sofrer.

Mais garra, menos desânimo. SOMOS BRASILEIROS!

Por CLAYTON COLLINS

Espirra, chora, faz barba, mas não faz sexo: o lado humano do Superman

12/07/2013 09h39 - Atualizado em 12/07/2013 12h14


G1 vasculha quadrinhos e sites para provar: herói às vezes é 'supertriste'.
Novo filme do Super-homem, ‘O homem de aço’ , estreia nesta sexta (12).

Braulio LorentzDo G1, em São Paulo
82 comentários
Foi nos comentários da crítica do filme "Homem de aço", que um leitor do G1escreveu: "Como o Superman fazia a barba?". Antes de a pergunta ser feita por aqui, a indagação rendeu campanha publicitária de uma famosa lâmina de barbear, lançada nos Estados Unidos para fazer par com a retomada da franquia do herói. "Homem de aço" chega nesta sexta (12) aos cinemas brasileiros.
Para os fãs do Super-homem retomarem o contato com o herói, o G1 conta como o Super-Homem lida com tarefas humanas como ir ao banheiro, espirrar, chorar, fazer a barba, fazer sexo e presentear a amada (veja no quadro abaixo). As respostas são dadas por meio de reproduções dos quadrinhos do personagem, além de textos de sites especializados em quadrinhos. No filme "Barrados no shopping" (1995), o lado humano do Superman também foi debatido. "O útero de Louis Lane não seria forte o suficiente para o bebê, só alguém como Mulher Maravilha poderia aguentar", disse um dos protagonistas, fã de quadrinhos.
  •  
info superman 2 (Foto: info superman 2)

Plano Safra do Ministério da Pesca e da Aquicultura realizado pela Secretaria Municipal de Agricultura Pesca e Abastecimento.

[informação da assessoria]


Acabou de acontecer, agora a pouco, na Câmara de Vereadores o Lançamento do Plano Safra do Ministério da Pesca e da Aquicultura realizado pela Secretaria Municipal de Agricultura Pesca e Abastecimento. O evento contou com a presença do Prefeito Josemar Sobreiro, do vice Marconi Lopes, do superintendente federal do Ministério, no Maranhão, Júnior Verde, dentre várias autoridades. O objetivo do plano é estimular a produção de pescado e promover o desenvolvimento sustentável da pesca em nosso município.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

‪#‎PESSOAS‬ ESPECIAIS JÁ PASSARAM PELA SUA VIDA?





Todos temos as nossas particularidades, o que nos torna seres exclusivos. Uns gostam da nossa personalidade, e outros odeiam. Pelo simples fato de não irem com a sua cara. Fazer o que né? Seguir em frente é o melhor a fazer.

Como dizia o Mc Daleste: MAIS AMOR, MENOS RECALQUE!

Por CLAYTON COLLINS

Ex-prefeito de Barra do Corda ficará inelegível por oito anos

Divulgação/TRE-MA

11/07/2013 às 16h31 - Atualizado em 11/07/2013 às 17h03
BARRA DO CORDA - O ex-prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, conhecido como Nenzim, está inelegível para as eleições que se realizarem nos 8 anos subsequentes a 2012.

A decisão foi tomada nesta quinta-feira (11), pelo juiz Antônio Elias de Queiroga Filho, titular da 23ª zona eleitoral, ao julgar parcialmente procedente Ação de Investigação Judicial Eleitoral, ajuizada pela coligação “Unidos pela Liberdade”.

Segundo a sentença, restou comprovada a participação do ex-chefe do Executivo Municipal no uso indevido da máquina administrativa, com a distribuição de carradas de piçarra, areia, madeira e barro para eleitores carentes da cidade, além de outros ilícitos eleitorais.

VER.ALDERICO PRESSIONA PREF.JOSEMAR E SUA BASE PARA TORNAR PÚBLICO SEU DESCONTENTAMENTO COM ROSEANA VIA NOTA OFICIAL PARA A IMPRENSA




TIRO EM MC DALESTE FOI DE UMA CASA NA FRENTE DO PALCO, DIZ POLÍCIA



Uma nova versão do tiro é divulgada no programa do DATENA. Mas há a dúvida, porque o tiro, segundo algumas versões, veio de baixo pra cima. Levantou essa questão o apresentador.

Motivação: O CASTELO DE AREIA - VAMOS DAR A VOLTA POR CIMA! por CLAYTON COLLINS



#‎VAMOS‬ DAR A VOLTA POR CIMA! Alguma onda já passou por cima de algo que você passou muito tempo dedicado, e você achou que estava tudo acabado?

Deputados federais aprovam meia-entrada para jovens carentes


Estatuto da Juventude limita benefício a 40% dos ingressos disponíveis.
Câmara retirou limite de meia-passagem em transporte interestadual.

Nathalia PassarinhoDo G1, em Brasília
62 comentários
A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (9) projeto de lei que institui o Estatuto da Juventude, que estabelece direitos para jovens entre 15 e 29 anos. O projeto, que segue agora para sanção ou veto presidencial,  garante a meia-entrada em eventos culturais e esportivos de todo o país para jovens de baixa renda e estudantes, além de prever meia-passagem em transporte interestadual.
Pelo texto, terá direito a meia-entrada em eventos de lazer e desportivos os estudantes que comprovarem matrícula em instituição de ensino com o uso de carteirinha expedida “preferencialmente” pela Associação Nacional de Pós-Graduandos, pela União Nacional dos Estudantes (UNE), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) e por entidades estudantis estaduais e municipais filiadas a essas organizações nacionais.
O projeto define que o pagamento de meia-entrada vale para jovens de famílias com renda mensal de até dois salários mínimos. As regras do Estatuto da Juventude não se estendem aos jogos da Copa do Mundo de 2014 nem às Olimpíadas de 2016, cujas entradas (incluindo as vendidas com desconto) são reguladas pela Lei Geral da Copa.
Para ter acesso ao direito, as famílias dos jovens carentes devem estar registrada no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). A proposta limita a concessão do benefício da meia-entrada a 40% do total de ingressos disponíveis para cada evento.
O texto prevê ainda a garantia de direitos básicos aos jovens, como acesso à educação, à profissionalização, ao trabalho e à renda.
Meia-passagem
Os deputados federais alteraram o texto aprovado no Senado em relação à quantidade de vagas que as empresas de transporte deveriam reservar para os estudantes. A versão avalizada pelos senadores garantia duas vagas gratuitas para jovens de baixa renda e outras duas vagas com desconto de 50% para jovens carentes.
A relatora da proposta na Câmara, deputada Manuela D’Ávila (PCdoB-RS), restabeleceu o texto aprovado pela Câmara em 2011, que prevê que o direito à meia-passagem no transporte interestadual a todos os estudantes entre 15 e 19 anos, “independentemente da finalidade da viagem”. Com isso, não haverá limite de vagas.
“Entendemos que o mecanismo adotado pelo Senado à meia-passagem dificultará o atendimento da necessidade de transporte do grande contingente de estudantes que se deslocam entre a casa e a escola, em especial, naqueles municípios próximos a divisas interestaduais”, argumento a parlamentar gaúcha.
O Estatuto da Juventude foi aprovado pela Câmara em novembro de 2011, mas o texto foi alterado no Senado. Por isso, retornou para avaliação dos deputados. A relatora também incluiu no projeto aprovado pelo Senado um parágrafo especificando que o desconto da meia-passagem será custeado “exclusivamente” por recursos orçamentários, e não por tarifas.
“Este dispositivo é imprescindível para evitar que o custeio do desconto seja financiado por subsídio cruzado, encarecendo a tarifa do transporte, o que seria um contrassenso”, defendeu Manuela D’Ávila em seu relatório.

Dilma anuncia R$ 15,3 bilhões para municípios, mas é vaiada

Presidente não agradou os prefeitos que cobraram aumento dos repasses do Fundo de Participação das cidades

LUIZA DAMÉ (EMAIL·FACEBOOK·TWITTER)
Publicado:
Atualizado:

A presidente Dilma Rousseff participa da XVI Marcha dos Prefeitos em Brasília, ao lado de Paulo ZIlcowski, presidente da Confederação Nacional dos Municípios
Foto: André Coelho / Agência O Globo
A presidente Dilma Rousseff participa da XVI Marcha dos Prefeitos em Brasília, ao lado de Paulo ZIlcowski, presidente da Confederação Nacional dos MunicípiosANDRÉ COELHO / AGÊNCIA O GLOBO
BRASÍLIA - Embora tenha anunciado, nesta quarta-feira, o repasse de R$ 15,3 bilhões para os municípios, destinados a projetos e obras nas áreas de saúde e educação, a presidente Dilma Rousseff foi vaiada na marcha dos prefeitos, organizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Na marcha do ano passado, a presidente também foi vaiada, ao dizer que qualquer mudança na distribuição dos royalties do petróleo não valeria para contratos em vigor.
— Estes vários anúncios estão unificados em uma certeza que o Brasil só pode ir para a frente se nós estivermos juntos e para estarmos jun tos é preciso uma federação forte — disse a presidente.
Dilma prometeu R$ 3 bilhões de ajuda aos municípios para custeio da saúde e da educação, que serão transferidos em duas parcelas — em agosto deste ano e abril de 2014. Também disse que vai aumentar o repasse do Programa de Atenção Básica (PAB), o que representará mais R$ 600 milhões ao ano. A presidente disse que serão repassados mais R$ 4 mil ao mês por equipes de saúde, o que custará R$ 3 bilhões. Outros R$ 5,5 bilhões para ampliar a rede do Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo Dilma, 11.800 postos serão ampliados, outros seis mil construídos e mais 225 UPAs. Na área de educação, R$ 3,2 bilhões para construir 2.000 creches.
O anúncio feito por Dilma, no entanto, não agradou de cheio os prefeitos que cobraram aumento dos repasses do Fundo de Participação dos Municípios. Muitos prefeitos fizeram sinal de negativo no fim do discurso da presidente. O FPM é formado por 23,5% da arrecadação do Imposto Renda e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Os prefeitos querem o aumento de dois pontos percentuais nesse índice.
— O tema da nossa marcha é o desequilíbrio financeiro dos municípios. Não é da senhora. Vem de décadas — disse o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, que também foi vaiado, depois do discurso de Dilma.
— Até parece que somos uma manada irracional. O companheiro ali está histérico. Ouve, por favor — gritou Ziulkoski, ao retornar ao palco.
— Eu não saio contente. Vocês acham que estou contente? Mas para que vaiar? O que vamos arrumar? Vamos pensar na eleição ou vamos pensar na nossa gestão? Não é o que queremos, mas foi o possível. Se não for assim, não vinha nada — completou Ziulkoski, desta vez, sendo aplaudido.
Ziulkoski explicou que os R$ 3 bilhões para custeio anunciados pela presidente representam 1,3% do FPM. Ele reconheceu que a medida é temporária e afirmou que continuará lutando pela mudança do índice.
Dilma anunciou também que o governo vai ampliar o programa Minha Casa Minha Vida para municípios com menos de 50 mil habitantes.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/dilma-anuncia-153-bilhoes-para-municipios-mas-vaiada-8983399#ixzz2YkTMnpez
© 1996 - 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.