segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

E O PAÇO, COMO TÁ?

Ao que se percebe, nessa chegada de 1 ano de atividades políticas, é que estão sendo tomadas decisões, e o que mais preocupa quem não está dentro, é o perigo de não entrar mais. Quem se diz merecedor de um bom cargo, perde as esperanças, e cai pra fazer oposição. Mas uma espécie de oposição as escuras, porque lá no fundo, acha muito mais fácil se empregar, do que lutar pra que o governo tenha um fim trágico.

Isso se dá, pela 'cultura' que historicamente a política de Paço do Lumiar, funcionava. Ai, de repente, tudo muda. As pessoas que dependem da política, e sempre dependeram, ficam sem saber o que fazer. Uns tentam ficar calados e pegar a pressão popular, mesmo deixando de lado, seus projetos pessoas, tendo em vista suas dificuldades atuais. O agora, fala mais alto.

Outros, que estavam apagados, agora, com a situação instalada, querendo crescer, e mudar de lado, o de mocinho. Mas, isso é a política, tudo muda rápido, e o povo só como espectador. Opa! não tá sendo assim, essa é a grande surpresa, o povo está saindo de casa, e dizendo - Nós estamos aqui. 

O que mais me chamou a atenção, foi que a população, ao seu modo, está mais esclarecida, e começando a exigir os seus direitos; nem sempre, como deveria fazer, mas está fazendo...

Sem comentários:

Enviar um comentário