domingo, 3 de novembro de 2013

Paço do Lumiar realiza 7ª Ação de Saúde em comunidade da zona rural

Durante esta 6ª-feira, foram realizados mais de 600 atendimentos médicos a moradores do Mojó


Dando continuidade aos trabalhos que estão sendo desenvolvidos para prestar atendimentos de saúde às comunidades mais afastadas da zona urbana de Paço do Lumiar, a Prefeitura realizou, nesta sexta-feira (01), um mutirão com serviços de clínica médica, pediatria, cardiologia, oftalmologia, nutricionista e fonoaudiologia a moradores do Mojó. Durante todo o dia, foram contabilizados 620 atendimentos. "É prazeroso observar que as pessoas comparecem às ações de saúde e saem satisfeitas com os atendimentos. Isso nos certifica que estamos atendendo de maneira positiva as expectativas da população", disse o prefeito Josemar Sobreiro. 
Um dos objetivos da ação é contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população, como no caso do pescador José Raimundo de Araújo que, aos 68 anos, nunca havia passado por uma consulta com um cardiologista e chegou hoje ao consultório móvel apresentando um grave quadro de hipertensão. “Detectamos que seu José, apesar de ser hipertenso, não tinha o acompanhamento de um profissional. Por não fazer o tratamento adequado para a sua condição, as chances de problemas mais graves com a sua saúde eram muito grandes e seu quadro poderia se agravar ao ponto de um derrame”, explica o cardiologista Fábio Câmara. De acordo com Marconi Lopes, vice prefeito do município, a ação tem facilitado o acesso a diversos serviços médicos para famílias que moram na zona rural. 
“Nosso objetivo é aproximar o cidadão luminense dos serviços, e a saúde pública é uma das nossas prioridades. Sempre antes das ações, informamos os moradores, para que estes saibam e compareçam para receber o atendimento médico”, destacou. O mutirão é realizado a cada mês, com atendimentos levados a comunidades diferentes. “Moradores do Pau Deitado, Pindoba, Parque Horizonte, Vila Cafeteira já foram beneficiados com estes trabalhos. A nossa próxima ação ocorrerá no dia 29 de novembro, onde atenderemos moradores do Iguaíba e adjacências”, afirmou a secretária municipal de Saúde, Nadi Morais. “Para nós que moramos em locais mais afastados, quando queremos nos consultar temos que sair muito cedo de casa para conseguir vaga nos hospitais. Com esta iniciativa da Prefeitura, eu e minha família pudemos, além de consultar, realizar os exames, de maneira rápida e prática”, fala a dona de casa Maria José da Silva, moradora da região. Além dos atendimentos médicos e de imunização, a população teve acesso a testes rápidos de HIV e hepatite, orientação sobre higiene bucal, aferição da pressão e glicemia, além de atualizarem a vacinação de seus animais.

1 comentário:

  1. Ao invés do governo implantar políticas sócias para o povo, fica fazendo ``ação social em só dia´´ para enganar a população. E agora como vão dar continuidade em atendimento de saúde e outras coisas para este povo desta comunidade.

    ResponderEliminar