segunda-feira, 21 de outubro de 2013

NOVELA: Cassação do mandato do VEREADOR CHARUTO

O vereador Francisco Pereira Filho, mais conhecido como Charuto (PSD), eleito no último pleito, poderá ser condenado à perda do mandato pela justiça eleitoral da comarca de Paço do Lumiar. O vereador responde no Fórum da 93ª Zona Eleitoral do município a representação de nº 84894, o qual três testemunhas afirmam em vídeo que venderam seu voto ao vereador, durante o período eleitoral.

Veja o que as pessoas acham, nas redes sociais: CLICK AQUI!

Via blog Rilton Silva: A corte do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE - MA) julgou nesta quarta – feira (16), o pedido de embargos de declaração imposta pelo vereadorFrancisco Pereira Filho (Charuto), contra a decisão dos membros do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão por ter acompanhado a decisão do juiz relator Nelson Loureiro dos Santos, que rejeitou liminarmente, o pedido de exceção de Suspeição oposta pelo edil, contra a Juíza Eleitoral da 93ª Zona Eleitoral, Rafaella de Oliveira Saif Rodrigues, em razão de suposta parcialidade na condução da instrução processual.


O vereador Charuto (PSD) no desespero de reverter sua situação meteu mais uma vez, os pés pelas mãos. O edil entrou com embargos de declaração afirmando que os magistrados do TRE – MA não justificaram seu voto, por ter acompanhado a decisão do juiz relator Nelson Loureiro dos Santos, pra complica o vereador justificou que a corte julgou seu processo na data equivocada.

Porém os magistrados não aceitaram o pedido do vereador, e mais uma vez porunanimidade, ou seja, por 6 a 0, os membros do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, manteve a decisão do relator do processo, o Juiz Federal Nelson Loureiro dos Santos.

Com a decisão o vereador Charuto (PSD), perdeu todos os recursos não pode recorrer ao TSE – Tribunal Superior Eleitoral, agora é aguarda a decisão da Juíza da 93ª Zona Eleitoral, Rafaella de Oliveira Saif Rodrigues na condução da instrução processual.

Veja a publicação.


Sem comentários:

Enviar um comentário