quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

CORPORAÇÃO MUSICAL HENRIQUE DE LA ROQUE PRECISA DE APOIO PARA CONTINUAR SEU TRABALHO COM A COMUNIDADE DE PAÇO DO LUMIAR



"O mal só prevalece quando os bons não fazem nada". Com a citação do cantor Bob Marley, Carlos Magno, coordenador da Corporação Musical La Roque, resume seu trabalho com a comunidade de Paço do Lumiar, em especial os jovens.

Ele diz que a corporação está fazendo a sua parte, está contribuindo para a melhoria de vida das pessoas através das artes. "A nossa banda representa o município de Paço do Lumiar nos eventos estaduais e regionais. Alcançamos em 2012 o título de melhor banda do Maranhão. Fomos uma das 3 melhores do nordeste em 2011". 

Carlos me diz que o trabalho é executado por 5 professores que atuam voluntariamente, no intuito de ajudar a comunidade. " A Corporação Musical La Roque vem através da música e da dança ajudar a sociedade como meio transformador, tirando as crianças e jovens da ociosidade e levando para o mundo da música. Fazemos da música e da dança, um instrumento de educação. Somos os únicos representantes da música instrumental na cidade. Nosso trabalho vem se destacando a nível nacional e em campeonatos de níveis estadual e regional." Frisou.

AJUDA

Atualmente a Corporação está precisando de R$ 16.000 para custear os instrumentos percussivos. A banda está entre as 10 melhores do Brasil, escolhidas para celebrar esse contrato. "No nordeste somente 2 bandas foram contempladas, uma em João Pessoa na Paraíba, a Banda Castro Alves, e a nossa em Paço do Lumiar. "Temos o apoio da Secretaria de Estado da Educação. Já tivemos o apoio da Prefeitura Municipal, na gestão do ex-prefeito Raimundo Filho, e do secretário de Cultura Ubiratan Cunha (Bira). E Alumar

O vereador Miau Oliveira está disposto a ajudar. A corporação vai tentar o apoio de outros parlamentares e da Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar.

PARTICIPE DO PROJETO, É GRATUITO

Inscrições abertas, informações na sede localizada no Colégio Henrique de La Roque no Maiobão. Confira!

Sem comentários:

Publicar um comentário